Avaliamos os fornecedores com base em testes e pesquisas rigorosos, mas também levamos em consideração seu feedback e nosso programa de afiliados com os fornecedores. Alguns fornecedores são de propriedade da nossa matriz.
Saiba mais
O vpnMentor foi criado em 2014 como um site independente que avalia serviços de VPN e cobre histórias relacionadas à privacidade. Hoje, nossa equipe de centenas de pesquisadores, redatores e editores de cibersegurança continua ajudando os leitores a lutar por sua liberdade online em parceria com a Kape Technologies PLC, que também é proprietária dos seguintes produtos: ExpressVPN, CyberGhost e Private Internet Access, os quais podem ser classificados e avaliados ​​neste site. As avaliações publicadas no vpnMentor são consideradas precisas na data de cada artigo e escritas de acordo com nossos rígidos padrões de avaliação que priorizam a análise independente, profissional e honesta do avaliador, levando em consideração as capacidades técnicas e qualidades do produto juntamente com seu valor comercial aos usuários. As classificações e avaliações que publicamos também podem levar em consideração a propriedade comum mencionada acima e as comissões de afiliados que ganhamos por compras efetuadas através de links em nosso site. Não avaliamos todos os provedores de VPN, e acreditamos que as informações sejam precisas na data de cada artigo.
Divulgação de publicidade

O vpnMentor foi criado em 2014 como um site independente que avalia serviços de VPN e cobre histórias relacionadas à privacidade. Hoje, nossa equipe de centenas de pesquisadores, redatores e editores de cibersegurança continua ajudando os leitores a lutar por sua liberdade online em parceria com a Kape Technologies PLC, que também é proprietária dos seguintes produtos: ExpressVPN, CyberGhost e Private Internet Access, os quais podem ser classificados e avaliados ​​neste site. As avaliações publicadas no vpnMentor são consideradas precisas na data de cada artigo e escritas de acordo com nossos rígidos padrões de avaliação que priorizam a análise independente, profissional e honesta do avaliador, levando em consideração as capacidades técnicas e qualidades do produto juntamente com seu valor comercial aos usuários. As classificações e avaliações que publicamos também podem levar em consideração a propriedade comum mencionada acima e as comissões de afiliados que ganhamos por compras efetuadas através de links em nosso site. Não avaliamos todos os provedores de VPN, e acreditamos que as informações sejam precisas na data de cada artigo.

Como desbloquear YouTube no PC onde quiser 2024 [RÁPIDO]

Kate Veale Atualizado em 25/02/2024 Editora sênior

Você finalmente encontrou o vídeo que procurava, clicou no título e recebeu a temida mensagem de erro:

Video unavailable: The uploader has not made this video available in your country.

Vídeo indisponível: o vídeo não foi disponibilizado em seu país pelo usuário que fez o upload.

screenshot of YouTube error messageAlguns vídeos do YouTube não estão disponíveis em determinados países

Se isso o deixou frustrado e gritando para a tela do seu computador, tenho boas notícias. Há diversas maneiras de acessar sua conta do YouTube, e compilei um guia rápido e simples para economizar seu tempo.

Por que o YouTube está bloqueado?

Há muitos motivos para que o YouTube esteja restrito ou bloqueado em sua rede.

Se você estiver na escola ou trabalho, o administrador da rede poderá ter bloqueado o acesso ao YouTube na rede da empresa ou escola por meio de um firewall. Muitos escritórios e escolas implementam essas restrições para eliminar distrações e aumentar a produtividade. Essas regras são importantes e devem ser observadas, mas nós também acreditamos no acesso livre às informações e na liberdade online.

Caso more em um país com rigorosa censura online, você poderá descobrir que as autoridades bloquearam seu acesso ao YouTube. A censura online pode variar quanto à sua severidade. Por exemplo, o YouTube está totalmente bloqueado na China, mas apenas alguns vídeos foram restringidos na Coreia do Sul.

Até mesmo em países onde o YouTube não está censurado, como a Austrália, leis de direitos autorais significam que o YouTube usa software de bloqueio geográfico para bloquear a reprodução de alguns vídeos pelos usuários nessa região. Por exemplo, uma rede de televisão pode publicar uma prévia que esteja licenciada para ser exibida somente nos EUA – portanto, o YouTube impedirá que usuários de outros países a reproduzam, de acordo com as leis de direitos autorais.

Assim como há muitos motivos para que o YouTube esteja bloqueado, existem muitas formas diferentes de acessá-lo.

5 formas simples de desbloquear o YouTube

1. Use uma VPN para acessar o YouTube quando ele estiver bloqueado

Fazer uso de uma VPN, ou rede privada virtual, é a forma mais simples e segura de desbloquear o YouTube.

VPNs são uma ótima opção para segurança online, anonimato e desbloqueio de conteúdos que foram restringidos por firewalls, censura ou tecnologias de bloqueio geográfico. Essa rede segura associa seu dispositivo, através de uma conexão criptografada de alta velocidade, a um servidor remoto que atribuirá um IP virtual ao seu computador para ocultar o endereço IP original dele. O YouTube e o firewall acreditarão que você está acessando a internet a partir de outra localização.

As VPNs criptografam todos os dados que são transmitidos através da sua conexão, o que significa que os administradores da sua rede e seu provedor de internet não poderão visualizar seu conteúdo acessado.

Guia rápido: como desbloquear YouTube em qualquer lugar em três passos simples

  1. Baixe uma VPN. Recomendo o ExpressVPN porque ele oferece servidores ofuscados para maior segurança, além de altas velocidades para transmitir em HD e apps intuitivos.
  2. Conecte-se a um servidor. Escolha um servidor em um país onde o YouTube ou o vídeo específico não esteja bloqueado. Se você está simplesmente tentando contornar um firewall na escola ou trabalho, selecione um servidor próximo à sua localização física.
  3. Comece a assistir ao YouTube. Faça login em sua conta do YouTube e comece a assistir aos seus vídeos favoritos como normalmente.

2. Desbloqueie o YouTube alterando a URL dele

Modificar a URL de um site é uma forma simples de enganar o firewall da sua rede. A maioria dos administradores de redes bloqueia sites manualmente, adicionando suas URLs a uma lista de bloqueio. Caso o administrador da sua rede tenha adicionado apenas a URL principal do YouTube, http://www.youtube.com, à lista de bloqueio, você poderá contornar a proibição digitando https://www.youtube.com em sua barra de endereço.

Infelizmente, esse truque funcionará apenas em firewalls de redes locais, mas não será eficaz para conteúdos que estejam censurados ou bloqueados geograficamente em sua região.

3. Use um site ou add-on de proxy para acessar o YouTube quando ele estiver bloqueado

Um proxy é semelhante a uma VPN, mas muito menos confiável e seguro. Quando você se conecta a um proxy, seu tráfego é filtrado através do servidor dele, para causar a impressão de que você está em uma localização diferente, o que lhe permite contornar firewalls e bloqueios geográficos.

Diferentemente de uma VPN, os proxies não criptografam seus dados. Isso significa que administradores de redes, provedores de internet e órgãos de censura na internet poderão visualizar seus sites acessados. Isso também deixará seus dados pessoais vulneráveis a ataques maliciosos.

Existem três formas principais de se conectar a um proxy: usar um site de proxy, conectar-se manualmente através do seu navegador e usar um add-on no navegador. Você pode encontrar muitos sites de proxy online, e é relativamente fácil de se conectar a eles. No entanto, geralmente é preciso atualizar o proxy a cada vez que você carregar uma nova página, o que pode ser muito demorado e frustrante.

Alternativamente, você poderá optar por configurar um proxy próprio. Essa opção requer algum conhecimento técnico – porém, após a configuração, você poderá acessar conteúdos bloqueados sem precisar atualizar o proxy a cada página carregada. Uma alternativa mais fácil para configurar um proxy manual é fazer uso de um add-on no navegador, como Ultrasurf ou ProxTube. Esses add-ons criam um link entre seu dispositivo e o servidor proxy, mas sua opção de serviço ficará limitada, dependendo do seu dispositivo e navegador.

4. Baixe vídeos do YouTube diretamente sem desbloquear o YouTube

Existem diversos sites que permitem baixar vídeos do YouTube para assistir localmente no seu dispositivo, mas algumas tentativas podem ser necessárias para que você encontre o serviço ideal. Esse método pode ser uma boa solução, caso você queira assistir a um vídeo específico enquanto estiver offline. No entanto, você apenas poderá assistir aos vídeos baixados – e precisará saber qual vídeo deseja assistir, antes de fazer o download dele.

Para baixar um vídeo, você primeiramente deverá pesquisá-lo no Google. Uma URL será exibida abaixo do título do vídeo em seus resultados de busca, e você deverá copiar e colá-lo no seu site de download de vídeos do YouTube escolhido. Em seguida, você poderá baixá-lo em seu dispositivo. Embora esse método seja demorado e trabalhoso, ele permite que você armazene vídeos em seu dispositivo para assistir a eles mais tarde ou offline.

5. Use o Tor para desbloquear vídeos do YouTube

O Tor é um navegador de internet seguro que oculta o endereço IP dos usuários para permitir que eles acessem e compartilhem conteúdos online anonimamente. Você pode baixá-lo de graça, mas precisará de privilégios de administrador no dispositivo em que for fazer sua instalação.

Quando você usa o Tor, seus dados são direcionados através da rede de servidores do navegador, onde os pacotes de dados passam por múltiplos relays e deixam a rede rumo ao seu destino. Essa medida de segurança impede que administradores de redes, provedores de internet e hackers rastreiem sua atividade online – porém, como o Tor não criptografa seus dados, eles ficam visíveis assim que deixam a rede.

De fato, o Tor foi criado para manter livre o acesso às informações diante de governos autoritários e maliciosos. Ele não foi concebido para streaming, e, devido a suas velocidades relativamente lentas e à banda reduzida, os vídeos provavelmente serão carregados com muita lentidão. No entanto, usar o Tor com uma VPN compatível pode ser uma poderosa ferramenta de segurança. Essa combinação é capaz de oferecer uma solução de rede totalmente anônima. Uma VPN irá criptografar seus dados, e eles não ficarão visíveis até mesmo após deixar a rede, o que garante que permaneçam protegidos mesmo que o Tor seja hackeado ou comprometido de outra forma.

Melhores VPNs para desbloquear YouTube em qualquer lugar em 2024

1. ExpressVPN — segurança de ponta para acessar de forma segura o YouTube em qualquer rede

  • Recursos avançados de segurança que mantêm seus dados seguros e privados
  • 3.000+ servidores ofuscados para ajudar você a alterar seu endereço IP
  • Velocidades altas e consistentes para streaming
  • 8 conexões simultâneas para assistir ao YouTube em seus dispositivos
  • Desbloqueia: YouTube, Netflix, Disney+, HBO Max, Hulu, BBC iPlayer, Vudu e mais
  • Compatível com: Windows, macOS, iOS, Android, Linux, roteadores, Apple TV e mais
  • Apps e extensões de navegador disponíveis em português nos principais dispositivos
  • Suporte disponível 24/7 em português via e-mail e chat em tempo real com tradução automática, além de uma base de conhecimento

O ExpressVPN disponibiliza mais de 3.000 servidores em 105 países (incluindo Brasil e Portugal). Todos os servidores são ofuscados se você escolher a opção de protocolo automático. A ofuscação fornece um nível adicional de segurança e ajuda a VPN a evitar que seja detectada por qualquer rede. Isso porque ela faz sua conexão VPN se parecer com tráfego comum.

Durante os testes, minhas velocidades permaneceram altas em todos os servidores, independentemente da distância. Consegui assistir a vídeos do YouTube em HD sem qualquer problema, pois minhas velocidades sempre ficaram acima de 26 Mbps. São necessários apenas 5 Mbps para transmitir em HD.

O Lightway é o protocolo exclusivo do ExpressVPN e pode ajudar a aumentar as velocidades de streaming. O provedor também oferece o protocolo padrão OpenVPN, que continua sendo veloz para streaming, mas é um pouco mais seguro. Para proteger seus dados, a VPN conta com criptografia de nível militar, perfect forward secrecy, kill switch e DNS privado em todos os servidores.

O ExpressVPN usa apenas memória RAM, o que significa que nem mesmo dados temporários e não identificáveis são armazenados em disco rígido. Todos os arquivos são imediatamente excluídos após cada sessão, garantindo uma experiência verdadeiramente livre de logs.

Ele também conta com um recurso de Smart DNS chamado MediaStreamer, caso você queira assistir ao YouTube em dispositivos que não são compatíveis com VPNs, como consoles de videogame. Esse recurso é otimizado para transmitir conteúdo dos EUA e Reino Unido, portanto você também poderá acessar o YouTube TV. No entanto, o ExpressVPN é capaz de desbloquear mais do que apenas o YouTube —  ele é suficientemente robusto para contornar as tecnologias antiVPN de grandes serviços de streaming, como Netflix, Amazon Prime Video e outros.

Embora custe um pouco caro, com preço a partir de $6,67/mês para um plano de longo prazo, o ExpressVPN vale cada centavo por conta da segurança e conveniência que proporciona.

Ele ainda oferece uma garantia de reembolso de 30 dias, o que permite testá-lo sem riscos com o YouTube. Se não ficar totalmente satisfeito, você pode obter o reembolso integral entrando em contato com o suporte através do chat 24/7 em tempo real.

Oferta do ExpressVPN de Fevereiro 2024: apenas por tempo limitado, você pode adquirir uma assinatura do ExpressVPN com até 49% de desconto! Não perca!

2. CyberGhost — servidores otimizados para transmitir o YouTube de maneira confiável

  • Servidores otimizados para YouTube permitem acessá-lo com facilidade
  • Altas velocidades para streaming
  • 7 conexões simultâneas de dispositivos com uma única conta
  • Desbloqueia: YouTube, Netflix, Disney+, HBO Max, Hulu, BBC iPlayer e mais
  • Compatível com: Windows, macOS, iOS, Android, Linux, roteadores, Apple TV e mais
  • App de Windows em português

O CyberGhost conta com 11.683 servidores em 100 países (incluindo Brasil e Portugal), incluindo alguns servidores otimizados para YouTube e YouTube TV. Esses servidores dedicados recebem manutenção periódica para garantir que seus IPs tenham como desbloquear YouTube. Eles foram quase sempre mais rápidos que os servidores comuns durante meus testes.

As velocidades também são altas para baixar vídeos do YouTube, pois ele ainda oferece servidores otimizados para P2P. Ele não é tão consistente quanto o ExpressVPN em longas distâncias, mas ainda assim consegui assistir a vídeos sem buffering. Além disso, você pode manter até 7 conexões simultâneas por licença.

O CyberGhost oferece tunelamento dividido (split tunneling), criptografia AES de nível militar, política antilogs (no-logs policy) e até mesmo proteção para redes Wi-Fi públicas que permitem assistir a conteúdo fora de casa. Isso significa que você pode navegar com segurança por canais do YouTube na rede da sua cafeteria favorita sem se preocupar com rastreamento, hackers ou malware.

Esta VPN não oferece servidores ofuscados ou um recurso de ofuscação à parte, portanto não funciona na China. Porém, ela continua sendo suficientemente confiável para acessar o YouTube com segurança em redes corporativas ou escolares — ou para assistir a vídeos que não estejam disponíveis na sua região atual.

Ela ainda conta com uma garantia de reembolso estendida de 45 dias que permite testar todos os seus recursos se você escolher um plano de longo prazo. Caso opte por receber o reembolso, você só precisará contatar o suporte

3. PrivateVPN — recurso Stealth VPN para assistir ao YouTube em países restritivos

  • Ofuscação do Stealth VPN disfarça o tráfego VPN como se fosse tráfego comum
  • Altas velocidades para streaming
  • 10 conexões simultâneas para assistir ao YouTube em vários dispositivos
  • Desbloqueia: YouTube, Netflix, Disney+, HBO Max, Hulu, BBC iPlayer e mais
  • Compatível com: Windows, macOS, iOS, Android, Linux, roteadores, Apple TV e mais
  • Suporte disponível 24/7 em português via e-mail e chat em tempo real com tradução automática

O PrivateVPN inclui um recurso chamado Stealth VPN que funciona em países como a China. Ele permite acessar o YouTube e outros conteúdos restritos nessas localizações. Ativei o recurso simplesmente pressionando um botão no menu Stealth VPN.

Assim como o ExpressVPN e o CyberGhost, o PrivateVPN usa criptografia AES de nível militar, oferece o protocolo OpenVPN, kill switch e servidores DNS privados para garantir uma maior privacidade de dados. O kill switch ajuda a impedir que sua localização real seja rastreada no caso da conexão com o servidor VPN cair inesperadamente, interrompendo o acesso à internet para quaisquer apps que estejam em execução através da VPN.

O ponto negativo é que meus testes mostraram que suas velocidades nem sempre são consistentes. Porém, você pode reduzir a queda de velocidade conectando-se a um servidor próximo à sua localização e ainda assim manter uma boa experiência de streaming (ele também disponibiliza servidores em Brasil e Portugal).

Os preços do PrivateVPN começam a partir de $2/mês para um plano de longo prazo. Seus planos de curto prazo também são uma boa opção se você precisa de uma VPN por um breve período.

Você pode testá-lo por meio da garantia de reembolso de 30 dias sem riscos. Se não ficar satisfeito, você pode contatar o suporte via chat em tempo real ou e-mail.

Resumo

Caso seu acesso ao YouTube esteja limitado por firewalls ou bloqueios geográficos, uma VPN é a forma mais simples, rápida e segura de acessar conteúdos bloqueados. Além disso, uma VPN manterá sua conexão privada e protegida, para que administradores de redes, provedores de internet e autoridades de censura não poderão visualizar seu conteúdo acessado.

Entre todas as VPNs que testei, minha favorita é o ExpressVPN porque apresentou o melhor desempenho em termos gerais. Ele disponibiliza servidores ofuscados, altas velocidades e recursos avançados de segurança. Você pode até mesmo testá-lo sem riscos com o YouTube durante 30 dias, pois ele vem com uma garantia de reembolso. Se não ficar satisfeito, você pode obter o reembolso integral facilmente.

Para resumir, as melhores VPNs para desbloquear YouTube são…

Posição
Provedor
Nossa pontuação
Desconto
Visitar site
1
medal
9.9 /10
9.9 Nossa pontuação
Economize 49%!
2
9.7 /10
9.7 Nossa pontuação
Economize 84%!
3
9.5 /10
9.5 Nossa pontuação
Economize 85%!
Alerta de privacidade!

Seus dados estão sendo expostos aos sites que você visita!

Seu endereço IP:

Sua localização:

Seu provedor de Internet:

As informações acima podem ser usadas para rastreá-lo, direcionar anúncios para você e monitorar o que você faz online.

As VPNs podem ajudá-lo a ocultar essas informações dos sites para que você esteja protegido o tempo todo. Recomendamos a ExpressVPN — a VPN nº 1 entre mais de 350 provedores que testamos. Ela possui criptografia de nível militar e recursos de privacidade que vão garantir sua segurança digital, e mais — ela está oferecendo atualmente 49% de desconto.

Visite a ExpressVPN

Avaliamos os fornecedores com base em testes e pesquisas rigorosos, mas também levamos em consideração seu feedback e nosso programa de afiliados com os fornecedores. Alguns fornecedores são de propriedade da nossa matriz.
Saiba mais
O vpnMentor foi criado em 2014 como um site independente que avalia serviços de VPN e cobre histórias relacionadas à privacidade. Hoje, nossa equipe de centenas de pesquisadores, redatores e editores de cibersegurança continua ajudando os leitores a lutar por sua liberdade online em parceria com a Kape Technologies PLC, que também é proprietária dos seguintes produtos: ExpressVPN, CyberGhost e Private Internet Access, os quais podem ser classificados e avaliados ​​neste site. As avaliações publicadas no vpnMentor são consideradas precisas na data de cada artigo e escritas de acordo com nossos rígidos padrões de avaliação que priorizam a análise independente, profissional e honesta do avaliador, levando em consideração as capacidades técnicas e qualidades do produto juntamente com seu valor comercial aos usuários. As classificações e avaliações que publicamos também podem levar em consideração a propriedade comum mencionada acima e as comissões de afiliados que ganhamos por compras efetuadas através de links em nosso site. Não avaliamos todos os provedores de VPN, e acreditamos que as informações sejam precisas na data de cada artigo.

Sobre o autor

Kate escreve e edita para o vpnMentor desde 2018. Ela é motivada por sua paixão por ajudar as pessoas a se protegerem contra as ameaças online.

Gostou desse artigo? Avalie!
Eu detestei Eu não gostei Achei razoável Muito bom! Eu adorei!
de 10 - votado por usuários
Obrigado pelo seu feedback.