Avaliamos os fornecedores com base em testes e pesquisas rigorosos, mas também levamos em consideração seu feedback e nosso programa de afiliados com os fornecedores. Alguns fornecedores são de propriedade da nossa matriz.
Saiba mais
O vpnMentor foi criado em 2014 como um site independente que avalia serviços de VPN e cobre histórias relacionadas à privacidade. Hoje, nossa equipe de centenas de pesquisadores, redatores e editores de cibersegurança continua ajudando os leitores a lutar por sua liberdade online em parceria com a Kape Technologies PLC, que também é proprietária dos seguintes produtos: ExpressVPN, CyberGhost e Private Internet Access, os quais podem ser classificados e avaliados ​​neste site. As avaliações publicadas no vpnMentor são consideradas precisas na data de cada artigo e escritas de acordo com nossos rígidos padrões de avaliação que priorizam a análise independente, profissional e honesta do avaliador, levando em consideração as capacidades técnicas e qualidades do produto juntamente com seu valor comercial aos usuários. As classificações e avaliações que publicamos também podem levar em consideração a propriedade comum mencionada acima e as comissões de afiliados que ganhamos por compras efetuadas através de links em nosso site. Não avaliamos todos os provedores de VPN, e acreditamos que as informações sejam precisas na data de cada artigo.
Divulgação de publicidade

O vpnMentor foi criado em 2014 como um site independente que avalia serviços de VPN e cobre histórias relacionadas à privacidade. Hoje, nossa equipe de centenas de pesquisadores, redatores e editores de cibersegurança continua ajudando os leitores a lutar por sua liberdade online em parceria com a Kape Technologies PLC, que também é proprietária dos seguintes produtos: ExpressVPN, CyberGhost e Private Internet Access, os quais podem ser classificados e avaliados ​​neste site. As avaliações publicadas no vpnMentor são consideradas precisas na data de cada artigo e escritas de acordo com nossos rígidos padrões de avaliação que priorizam a análise independente, profissional e honesta do avaliador, levando em consideração as capacidades técnicas e qualidades do produto juntamente com seu valor comercial aos usuários. As classificações e avaliações que publicamos também podem levar em consideração a propriedade comum mencionada acima e as comissões de afiliados que ganhamos por compras efetuadas através de links em nosso site. Não avaliamos todos os provedores de VPN, e acreditamos que as informações sejam precisas na data de cada artigo.

ExpressVPN é bom em 2024: seguro, mas vale preço?

Nossa Avaliação: 9.9/10
Ideal para torrents e streaming
Adriano Silva Atualizado em 14/02/2024 Informações verificadas por Kate Richards Editor sênior

O ExpressVPN é um dos nomes mais populares e confiáveis do setor. Ele é famoso por ser uma das VPNs mais seguras e rápidas, portanto eu queria ver se ele era capaz de cumprir essas afirmações. Ele não é a VPN mais barata, mas sempre oferece descontos que proporcionam um melhor custo-benefício. Outras VPNs de qualidade oferecem recursos de segurança similares por muito menos. Então, você realmente precisa pagar tudo isso por uma VPN tão boa quanto o ExpressVPN?

Para descobrir a resposta, fiz testes extensos em dispositivos móveis e desktop com Windows, Mac, Linux, Android e iOS. Testei suas velocidades ao jogar, fazer streaming e baixar e enviar torrents. Também explorei seus recursos de segurança, capacidades de desbloqueio, compatibilidade com dispositivos e seu exclusivo protocolo Lightway. Para ver se ele continua confiável, consultei a fundo sua política de privacidade, auditorias independentes e também o histórico da empresa.

Minha conclusão: o ExpressVPN é difícil de ser superado em quase todos os quesitos. E definitivamente vale seu preço. Ele é uma das VPNs mais rápidas que testei, além de extremamente fácil de usar — e oferece poderosos recursos de segurança. Adicionalmente, ele é uma das melhores VPNs que usei para desbloquear sites de streaming e disponibiliza o melhor app VPN para roteadores que já testei. Há ainda uma garantia de reembolso, portanto você pode testar todos os recursos do ExpressVPN sem riscos. Você tem 30 dias para obter o reembolso, caso não fique satisfeito.

Testar o ExpressVPN sem riscos >>

Está com pouco tempo? Aqui estão minhas principais conclusões

Prós

Contras

Oferta do ExpressVPN de Fevereiro 2024: apenas por tempo limitado, você pode adquirir uma assinatura do ExpressVPN com até 49% de desconto! Não perca!

Recursos do ExpressVPN Features — Atualização de 2024

10.0
💸 Preço 6.67 USD/mês
📆 Garantia de reembolso 30 Dias
📝 VPN registra logs? Não
🖥 Número de servidores 3000+
💻 Número de dispositivos por licença 8
🛡 Botão de encerramento Sim
🗺 Baseado no país Virgin Islands (British)
📥 Permite baixar e enviar torrents Sim

Streaming — desbloqueia 40+ plataformas, incluindo Netflix, Hulu e Disney+

10.0

O ExpressVPN é altamente recomendado para acessar serviços populares de streaming como Netflix, Disney+, Amazon Prime Video e BBC iPlayer. Sua confiabilidade vem de seu sistema de monitoramento ativo de servidores. Se um serviço de streaming bloqueia um endereço IP, o ExpressVPN rapidamente o substitui por um novo.

Além disso, o ExpressVPN disponibiliza em seu site oficial uma lista atualizada das plataformas de streaming às quais oferece suporte. Testei todas as plataformas relacionadas, incluindo algumas que não estavam na lista, e quase não tive problemas. Porém, vale mencionar que o ExpressVPN tem uma pequena limitação — ainda há algumas regiões populares da Netflix que ele não é capaz de desbloquear.

Entre todas as localizações de servidores do ExpressVPN, testei 50+ e consegui acessar as seguintes plataformas:

Netflix Hulu Disney+ BBC iPlayer (HBO) Max Crunchyroll
Amazon Prime Video Peacock ESPN+ Paramount+ RaiPlay Globoplay
DStv ProSieben 6play ORF CBC Gem Vudu
Pluto TV Discovery+ Locast Rakuten Viki IPTV AT&T TV
NOW TV ITV Hotstar Crackle Zattoo Channel 4
Sky TV beIN Sports DAZN fuboTV Sling TV Kodi
Showtime Apple TV YouTube Spotify UKTV Crave

Dica: se você estiver com problemas para acessar uma plataforma, tente trocar de navegador. Quando tive problemas para desbloquear o Max (antigo HBO Max) e o Hulu, troquei o Chrome pelo Microsoft Edge, e as plataformas carregaram em questão de segundos. Limpar o cache e os cookies do seu navegador também pode corrigir o problema, ou você pode testar outro servidor na região. Caso continue visualizando a tela de erro, você pode contatar o suporte 24/7 do ExpressVPN via chat em tempo real no seu idioma para encontrar um servidor que funcione com sua biblioteca desejada.

Desbloqueado: 20+ bibliotecas da Netflix, incluindo EUA, Reino Unido e Japão

O ExpressVPN me permitiu desbloquear várias regiões da Netflix e transmitir sem interrupções. A Netflix está sempre aprimorando sua tecnologia de bloqueio de VPNs, portanto até mesmo as VPNs mais renomadas têm dificuldades para acompanhar o ritmo. Não é incomum que uma VPN (até mesmo o ExpressVPN) se depare com o temido erro de proxy da Netflix, mas não o visualizei nenhuma vez.

Primeiro, testei o servidor de Londres e acessei a Netflix sem problemas.

screenshot of ExpressVPN streaming UK NetflixNunca tive nenhum problema de carregamento ou qualidade em nenhuma biblioteca da Netflix

Consegui desbloquear 20 bibliotecas da Netflix. Até mesmo servidores distantes me permitiram assistir em HD sem buffering. Quando usei a localização de Nova Jersey, consegui acessar a Netflix EUA totalmente sem lag. Porém, em distâncias muito grandes, os vídeos levaram mais tempo para carregar. No servidor Tóquio 2 (a 9.500 km de distância), os vídeos começaram a ser reproduzidos em cerca de cinco segundos (o que continua bem rápido).

Além da biblioteca dos EUA, consegui desbloquear a Netflix nos seguintes países:

Reino Unido Canadá Estados Unidos Austrália França
Chile Japão Alemanha Itália Brasil
Suécia Nova Zelândia Hong Kong Holanda Suíça
Colômbia Malásia Romênia Espanha Grécia

Infelizmente, os servidores virtuais do ExpressVPN somente conseguiram acessar conteúdo Originais Netflix. Trata-se de uma versão do site que oferece apenas os filmes e séries de propriedade da Netflix, portanto você não poderá acessar conteúdo específico da região. Dessa forma, somente consegui assistir a conteúdo Originais Netflix nas localizações virtuais da Argentina, Taiwan, Egito e Paquistão.

Desbloqueado: Disney+

O ExpressVPN desbloqueou o Disney+ e me permitiu assistir a Não Estou Morta sem qualquer buffering em todos os 10 servidores que testei.

Screenshot of ExpressVPN unblocking Disney+A qualidade de imagem nunca caiu, mesmo nos distantes servidores dos EUA

Consegui assistir ao Disney+ através de servidores dos EUA, Austrália, Canadá, Itália e Reino Unido sem qualquer buffering. A única diferença foi que o servidor australiano levou cerca de três segundos a mais para carregar os vídeos.

Desbloqueado: Amazon Prime Video

Tive um pequeno problema para acessar o Amazon Prime Video, mas, na maior parte, ele funcionou muito bem. Usei servidores no Reino Unido, EUA e Canadá para desbloqueá-lo.

Screenshot of ExpressVPN streaming Picard on Amazon Prime VideoTodos os vídeos foram reproduzidos instantaneamente em HD, sem qualquer buffering

Tive um problema com os servidores nos EUA. No início, a plataforma não funcionou até mesmo depois que fiz o procedimento básico de solução de problemas (trocar de servidor/navegador/protocolo), por isso contatei o suporte.

Screenshot of ExpressVPN's live chat support agent helping me access US Amazon Prime VideoO Prime Video pode não funcionar quando seu endereço de cobrança é diferente do seu IP

O agente de suporte do ExpressVPN me disse que o Amazon Prime Video não funciona no app se você não tiver um endereço de cobrança nos EUA. Meu endereço fica no Reino Unido, portanto não consegui obter acesso. Foi um pouco esquisito o fato de que ele funcionou com outras regiões, entretanto. De qualquer forma, o agente me informou que o Prime Video funciona no navegador mesmo se o endereço de cobrança não for compatível. Então, acessei o site Amazon.com e consegui transmitir conteúdo dos EUA a partir de lá.

Desbloqueado: Hulu

Consegui desbloquear o Hulu e assistir a séries e filmes em HD com tempos de carregamento bem curtos.

Screenshot of ExpressVPN US servers working to unblock HuluA série começou a ser transmitida em qualidade HD perfeita três segundos depois que pressionei o botão de reprodução

Geralmente, enfrento problemas para desbloquear o Hulu, mas usei sete servidores do ExpressVPN e consegui acessá-lo facilmente.

Desbloqueado: Max (antigo HBO Max)

Desbloqueei o Max e assisti a séries na plataforma sem qualquer problema. Succession foi reproduzida perfeitamente e sem complicações.

Screenshot of ExpressVPN US servers working to unblock HBO MaxTestei cada servidor dos EUA, e todos conseguiram desbloquear o Max sem problemas

O Max funcionou muito bem; a série carregou imediatamente, sem travamentos ou lentidão.

Também desbloqueia: BBC iPlayer, Peacock, Crunchyroll, ESPN+, Kodi, sites de mídias sociais e muito mais

O ExpressVPN desbloqueou todas as outras plataformas que testei, incluindo BBC iPlayer, Peacock, Crunchyroll, ESPN+ e muito mais. Consegui até mesmo transmitir o filme de domínio público A Mulher Vespa no Kodi. Fiquei realmente impressionado com isso, pois sempre há pelo menos uma plataforma que uma VPN não consegue desbloquear. Até o CyberGhost e o NordVPN têm problemas com plataformas como Sky Go ou Amazon Prime Video.

Todas as cinco localizações de servidores do ExpressVPN no Reino Unido me permitiram assistir ao BBC iPlayer, e as transmissões sempre foram perfeitas. No Peacock, os vídeos levaram cerca de 10 segundos para carregar e começaram com qualidade inferior. Porém, foram atualizados para HD em dois segundos. A transmissão de basquete ao vivo funcionou muito bem na ESPN+; o jogo carregou instantaneamente e foi reproduzido sem erros. O anime How Not to Summon a Demon Lord também foi transmitido perfeitamente no Crunchyroll.

Em termos gerais, o ExpressVPN é uma excelente VPN para streaming. Consegui acessar todas as plataformas de streaming com as quais o testei, e os vídeos foram reproduzidos à perfeição, com muito poucas exceções.

O ExpressVPN também funciona com dezenas de sites e apps populares de mídias sociais que estão bloqueados em alguns países. Se você viajar para o exterior e não conseguir acessar suas contas de mídia social, pode usar o ExpressVPN para acessar o Facebook, Instagram, Google (e serviços do Google como o Gmail), Twitter, YouTube, WhatsApp, Snapchat, Tinder e mais.

49% de desconto

Obtenha 49% de desconto no ExpressVPN agora + 3 meses de graça!

Garantia de reembolso: 30 dias

Economize mais hoje!

Velocidade — ultrarrápido em servidores locais e distantes

0.0

O ExpressVPN oferece as maiores velocidades entre qualquer VPN que testamos. Fiquei impressionado por conseguir obter velocidades consistentemente altas com o ExpressVPN tanto em servidores locais quanto de longa distância. Estes foram os três aspectos nos quais me concentrei enquanto analisava os resultados dos nossos testes:

  • Ping representa quanto tempo leva para os dados serem transferidos. Isso é crucial quando você está jogando; quanto menor o ping, mais rápido seus comandos são recebidos. Ele é medido em milissegundos (ms).
  • Download, ou velocidade de download, significa a velocidade com que você recebe dados. Isso afeta o desempenho do seu computador ao transmitir vídeos, carregar páginas web, baixar arquivos, etc. Ela é medida em megabits por segundo (Mbps).
  • Upload, ou velocidade de upload, representa a velocidade com que você envia dados. Ela informa o nível de velocidade com que você pode enviar vídeos, publicar em mídias sociais, compartilhar arquivos, etc. Também é medida em Mbps.

Temos um analista dedicado de velocidades VPN que verifica os servidores do ExpressVPN semanalmente a partir da mesma localização no Reino Unido. Este gráfico exibe as velocidades médias de 10 testes feitos em cada servidor. Os testes foram realizados com o protocolo Lightway UDP, pois ele apresentou as melhores velocidades.

Screenshot of a speed chart showing results while connected to ExpressVPN servers around the worldUma pequena queda de velocidade de 5% em servidores locais e 25% em servidores distantes

O ExpressVPN é extremamente rápido — não registramos nenhuma velocidade abaixo de 75 Mbps. Em outras palavras, as velocidades nunca caíram mais de 38%. Para colocar isso em perspectiva, é comum que até mesmo as melhores VPNs reduzam suas velocidades em um nível muito maior. Por exemplo, uma queda de 30% em servidores locais e até 85% em servidores de longa distância são resultados bem comuns até mesmo com VPNs velozes como CyberGhost e Private Internet Access.

Em junho de 2022, o ExpressVPN começou a atualizar seus servidores para tornar a sobrecarga um problema menor. A largura de banda de vários servidores populares passou de 1 Gbps para 10 Gbps. Mais de 20 localizações foram atualizadas, incluindo todas aquelas nos EUA e Reino Unido.

A ferramenta de teste de velocidade do ExpressVPN está atualmente disponível apenas para macOS. Isso é ruim, pois costumava estar disponível também no app de Windows. Ela mostra a diferença relativa do ping (indicado como latência) e das velocidades de download e upload entre servidores para ajudar você a escolher a melhor opção às suas necessidades.

Velocidades locais

Os servidores locais do ExpressVPN foram os mais velozes entre qualquer VPN que testamos. Nunca houve uma queda de velocidade superior a 7%. Veja abaixo a velocidade de base total do nosso analista de velocidade sem conexão VPN para comparar os resultados.

Sem VPN (Londres, Reino Unido):

Ping (ms) 6
Download (Mbps) 121.26
Upload (Mbps) 17.03

Esses testes foram realizados através de um notebook com Windows 11.

No primeiro teste, foi feito uso do recurso “Localização Inteligente”, que automaticamente encontra o melhor servidor de acordo com a latência, velocidade e distância. Ele conectou-se a um servidor em Londres, Reino Unido, e praticamente não houve redução nos números.

Londres, Reino Unido:

Ping (ms) 8
Download (Mbps) 115.78 (5% de queda)
Upload (Mbps) 16.37 (7% de queda)

A conexão um pouco mais distante em Paris, França, gerou resultados muito parecidos.

Ping (ms) 22
Download (Mbps) 113.43 (6% de queda)
Upload (Mbps) 16.27 (7% de queda)

Na Alemanha e Ucrânia, também não houve nenhuma queda perceptível. As velocidades foram reduzidas em apenas 5% quando conectado um servidor ucraniano — o que é notável, visto que o país fica a mais de 2.500 km de distância do Reino Unido.

Screenshot of Ookla speed tests record with no VPN connected and while connected to ExpressVPN's Frankfurt 3 serverAs velocidades do nosso analista nunca caíram mais que 7% em servidores locais

Fiz testes nos mesmos servidores, e não houve mudanças perceptíveis de desempenho enquanto eu navegava ou transmitia em qualquer um dos servidores europeus a partir da minha localização no Reino Unido. Sempre consegui transmitir em Ultra HD, pois são necessários apenas 25 Mbps.

Velocidades a longa distância

As velocidades caíram mais a longas distâncias, mas permaneceram impressionantes. A maior redução ocorreu no servidor Tóquio 2, no qual as velocidades caíram 38%. Porém, como a cidade está a 9.294 km de distância da localização do teste, esses resultados na verdade são excelentes — testei pessoalmente VPNs que reduziram minhas velocidades em 90% nessa distância.

Os testes com servidores em ambas as costas dos EUA produziram os seguintes resultados:

Nova York, Estados Unidos:

Ping (ms) 94
Download (Mbps) 95.21 (21% de queda)
Upload (Mbps) 16.21 (6% de queda)

Los Angeles, Estados Unidos:

Ping (ms) 160
Download (Mbps) 84.96 (30% de queda)
Upload (Mbps) 14.54 (25% de queda)

Por fim, foram testados servidores extremamente distantes na Austrália, Índia, Brasil e Japão.

Screenshot of Ookla speed tests done with no VPN connected and while connected to ExpressVPN's Brazil 2 serverAs velocidades nunca caíram acima de 38% em servidores de longa distância

Durante meus testes, as velocidades nos servidores de longa distância permaneceram suficientes para atividades de alto consumo de largura de banda. Consegui transmitir conteúdo com bloqueio geográfico em todos esses servidores sem buffering. Em termos gerais, as velocidades do ExpressVPN a longas distâncias são ótimas, e você conseguirá encontrar uma conexão rápida não importa onde esteja localizado.

Testes de velocidade dos protocolos

O Lightway UDP foi o protocolo mais rápido durante meus testes, mas não houve uma grande diferença entre ele e o IKEv2. Mensurei tanto as velocidades locais (verde) quanto em longas distâncias (amarelo) com todos os protocolos.

Screenshot of ExpressVPN's speed tests trying different protocolsVocê não precisará se preocupar com quedas de velocidade se decidir trocar de protocolo

Embora o OpenVPN tenha sido o mais lento, minha velocidade nunca caiu abaixo de 70 Mbps.

Jogos — jogabilidade fluida e sem lag em servidores próximos

10.0

O ExpressVPN é uma excelente VPN para jogos, contanto que você se atenha aos servidores locais. Nos servidores de longa distância, não consegui carregar uma partida porque o ping estava muito alto. Porém, isso é de se esperar — nunca encontrei uma VPN que me permitisse jogar em servidores de longa distância.

Quando você está jogando partidas competitivas online, seus comandos são muito importantes. É por isso que sua taxa de ping deve ficar abaixo de 85 ms. Se levar muito tempo para o jogo registrar seus comandos, ele deixa de ser divertido. Até mesmo meio segundo de lag deixa você em desvantagem, principalmente em jogos que exigem reações instantâneas.

Realizei meus testes com o jogo de tiro em ritmo acelerado Team Fortress 2. Comecei pela localização de Londres com um ping realmente baixo de 8 ms. Encontrei rapidamente uma partida. Durante o jogo, nem sequer notei que estava usando uma VPN.

Screenshot of playing Team Fortress 2 connected to ExpressVPN's London serverConsegui correr, pular, agachar e atirar sem nenhum atraso

Porém, foi impossível jogar uma partida de FPS em um servidor de longa distância. Obtive as melhores velocidades de download na localização de Chicago, a 6.349 km de distância. Então, decidi testá-la enquanto jogava. A alta velocidade de download não importou, pois meu ping estava acima de 13 vezes maior que o de Londres, a 110 ms. Esperei cinco minutos para uma partida carregar. Em seguida, decidi sair e me reconectar. O mesmo aconteceu novamente, portanto não consegui nem sequer ver o desempenho.

Infelizmente, o mesmo problema aconteceu quando testei um servidor em Nova York. Ele está a apenas 5.567 km de distância de mim, mas ainda assim não consegui encontrar uma partida, mesmo após várias tentativas. Por conta disso, somente recomendo o ExpressVPN para gamers se você tiver certeza de que há um servidor nas suas proximidades.

Rede de servidores — amplo conjunto de servidores espalhados por todo o mundo

9.2

O ExpressVPN conta com uma ampla rede de mais de 3.000 servidores em 105 países, incluindo Brasil e Portugal. Essa extensa cobertura simplifica o processo para encontrar uma conexão veloz e confiável. Note que atividades de alto consumo de dados ou estar localizado fisicamente longe do servidor pode levar a velocidades menores. Alguns outros provedores disponibilizam redes mais amplas (o Private Internet Access oferece 29.650 servidores), mas o ExpressVPN dispõe de uma quantidade mais que suficiente para ajudar você a sempre encontrar um servidor veloz nas proximidades.

Screenshot of server map from the ExpressVPN websiteOs Estados Unidos e a Europa contam com a maior quantidade de servidores, e a África, com a menor

O ExpressVPN também oferece ótima cobertura dentro dos países. Por exemplo, é bacana ver que há servidores em ambas as costas australianas. Também há servidores em vários países que costumam ser negligenciados por outras VPNs, incluindo Hong Kong, Venezuela e Turquia. Apenas note que trata-se de localizações virtuais, o que pode afetar as velocidades.

Os servidores localizados em cidades facilitam para otimizar suas velocidades. Isso porque eles permitem saber em qual cidade há um servidor, o que torna mais fácil para encontrar uma opção próxima.

O ExpressVPN não oferece endereços IP dedicados/estáticos. Algumas VPNs permitem pagar um valor adicional para usá-los, o que pode ser útil se você administra um site. Porém, eles são muito menos seguros. O ExpressVPN mistura seu IP com o tráfego de outros usuários, o que torna muito mais difícil para rastrear suas informações e atividades. Toda vez que faz login, você se conecta a um IP rotativo diferente.

Embora todos os endereços IP sejam de propriedade do ExpressVPN, eles atuam com data centers de terceiros. A função destes é manter os servidores, mas eles não têm acesso às informações contidas. Após contatar o ExpressVPN, fui informado de que seus parceiros podem ver o tráfego entrando e saindo do servidor. Porém, eles não têm as devidas credenciais para associar qualquer atividade online a usuários individuais.

Localização Inteligente

A Localização Inteligente é um recurso conveniente, mas consegui encontrar servidores mais velozes por conta própria.

Screenshot of ExpressVPN's Windows app highlighting the Smart Location featureOs três pontos ao lado da Localização Inteligente exibirão a lista completa de servidores

Por exemplo, a Localização Inteligente me conectou ao servidor de Midlands, mas, quando testei a localização de East London, obtive velocidades 5 Mbps mais rápidas.

Tecnologia TrustedServer

O ExpressVPN aumenta sua segurança e privacidade através do uso de servidores RAM (sem disco). Eles chamam isso de tecnologia TrustedServer. A memória RAM é incapaz de armazenar quaisquer dados — portanto, após a reinicialização, todos os dados da sua sessão são excluídos. Tudo, incluindo o sistema operacional, é carregado do zero a cada reinicialização a partir de uma imagem segura somente leitura armazenada no disco rígido. Isso aprimora a segurança da tecnologia das seguintes formas:

  • Nenhum dos seus dados jamais é armazenado em um disco rígido.
  • Os dados são armazenados por períodos menores.
  • O software é reinstalado toda vez que o servidor reinicializa, portanto todos estes são atualizados com as últimas correções de segurança.
  • Garante a consistência do software em todos os servidores. Em alguns serviços de VPN, o software pode variar entre servidores, deixando alguns mais vulneráveis.

A maioria das VPNs armazena suas informações em discos rígidos. Isso é menos seguro porque os discos rígidos armazenam dados até que sejam manualmente excluídos. Os servidores do ExpressVPN são reinicializados a cada 1-2 semanas. Como esses servidores não armazenam suas informações confidenciais, você permanecerá seguro independentemente da frequência com que são reinicializados Porém, é bom que eles sejam continuamente reinicializados para garantir que sempre executem a tecnologia mais atualizada.

O ExpressVPN está até mesmo oferecendo um programa de recompensa por bugs no valor de US$ 100.000 a qualquer um que encontrar falhas em seus servidores. Esse é um dos maiores valores que qualquer empresa já ofereceu no Bugcrowd (o site onde ele hospeda seus programas de recompensa por bugs). O ExpressVPN não espera que ninguém consiga obter acesso não autorizado aos seus servidores ou encontre vazamentos. Portanto, isso mostra para mim que ele tem muita confiança na segurança de seus servidores.

Servidores ofuscados

Todo servidor do ExpressVPN é automaticamente ofuscado. Algumas VPNs obrigam você a usar servidores diferentes ou protocolos especiais em redes que as bloqueiam. Ainda bem que você não precisa se preocupar com isso com o ExpressVPN, pois todos os servidores “ofuscam” (ocultam) seu uso da VPN. Isso aumenta suas chances conseguir conectar-se ao ExpressVPN no trabalho ou escola, por exemplo.

O ExpressVPN usa localizações virtuais? Sim

Menos de 5% dos servidores do ExpressVPN são localizações virtuais, o que significa que o servidor físico está localizado em outro lugar. Seu novo endereço IP está dentro do país desejado, mas o servidor físico se encontra em outro país.

Screenshot of the Virtual server list on ExpressVPN's websiteEle também indica a localização do servidor físico, o que ajuda você a estimar as velocidades

Os servidores virtuais permitem ao ExpressVPN oferecer IPs em países onde há políticas restritivas de internet. Pode ser difícil encontrar locais seguros para instalar um data center em países que proíbem ou restringem VPNs. O fato de não manter servidores físicos em países como Arábia Saudita, China e Rússia também mantém o ExpressVPN fora da jurisdição deles.

O ExpressVPN removeu seus servidores físicos da Índia em 2022, por exemplo. O governo do país aprovou novas leis obrigando as VPNs a registrar informações pessoais dos clientes, como números de telefone e endereços físicos. A remoção dos servidores físicos significa que o ExpressVPN não precisa cumprir essas leis, mas ele ainda disponibiliza localizações virtuais na Índia.

Os servidores virtuais também podem oferecer velocidades melhores e conexões mais confiáveis. Alguns países não têm conexões velozes ou estáveis à internet, portanto o desempenho da VPN é aprimorado com a instalação do servidor em um país com infraestrutura superior.

O lado negativo é que essas localizações não são boas para desbloquear sites de streaming. Elas podem ocasionalmente reduzir suas velocidades, caso a localização real do servidor seja mais distante do que o servidor virtual. Em termos gerais, esses servidores permitem que o ExpressVPN ofereça uma cobertura global muito maior que a da maioria das outras VPNs de ponta. Por exemplo, o NordVPN disponibiliza servidores em apenas 105 países.

Segurança — opções flexíveis para customizar seus recursos de segurança

10.0

A ampla variedade de recursos de segurança do ExpressVPN e sua criptografia de nível militar manterão seus dados protegidos. Testei exaustivamente os recursos de kill switch, tunelamento dividido (split tunneling) e a compatibilidade do ExpressVPN com o Tor. Além disso, comparei seus protocolos e analisei a fundo sua exclusiva tecnologia Lightway. Por fim, verifiquei os resultados de suas auditorias externas para saber como sua infraestrutura e suas práticas se saíram sob escrutínio.

O único ponto negativo que encontrei é que o ExpressVPN não oferece um bloqueador de anúncios e malware integrado. Esse é um recurso realmente conveniente, mas os bloqueadores de anúncios e malware oferecidos por outras VPNs normalmente não funcionam muito bem. De qualquer maneira, é preciso usar um app ou extensão dedicada para obter proteção completa.

Criptografia — proteção de nível militar

A tecnologia de criptografia do ExpressVPN protege suas informações privadas. Ele mantém sua segurança por meio de criptografia AES de 256 bits, que combina uma cifra AES de 256 bits com chave RSA de 4.096 bits e autenticação HMAC SHA-512. Em termos simples, seus dados basicamente se tornam invioláveis. Esse é o mesmo nível de criptografia usado por exércitos, bancos e governos.

O número de bits em uma chave determina a quantidade de combinações possíveis. Por exemplo, 1 bit permite duas combinações, enquanto 8 bits resulta em 256 combinações. Porém, com 256 bits, você obtém um enorme número de 78 dígitos para a quantidade d combinações, o que torna extremamente difícil decifrar sequer uma pequena parte dos dados. Levaria bilhões de anos até mesmo para o computador mais poderoso fazê-lo.

O ExpressVPN garante a alta segurança das transferências de dados, como o compartilhamento de arquivos via P2P, através do uso de autenticação HMAC SHA-512. Ele usa uma chave secreta compartilhada que permite que tanto o remetente quanto o receptor verifiquem a autenticidade de um arquivo. Qualquer alteração na chave secreta indicaria adulteração, permitindo a pronta detecção — portanto, qualquer violação seria rapidamente identificada e resolvida.

O ExpressVPN também usa a função perfect forward secrecy. Esse recurso altera sua chave de criptografia a cada acesso, garantindo que, mesmo que uma chave seja comprometida, as sessões anteriores e futuras da VPN permaneçam inacessíveis, pois usam chaves diferentes.

Protocolos de segurança — várias opções para todos os dispositivos

O ExpressVPN oferece diversos protocolos de segurança que permitem customizar a VPN para qualquer situação. Protocolos são um conjunto de regras que uma VPN usa para saber como criptografar suas informações. Eles podem ser alterados na guia de protocolos para Windows, Mac, Android e iOS. No Linux, você deve usar comandos no terminal.

Screenshot of ExpressVPN Windows app showing the protocol settingsAs opções avançadas do Lightway permitem alterar a cifra de criptografia

Cada um dos protocolos é um pouco diferente:

  • Lightway: este protocolo foi desenvolvido pelo ExpressVPN e não é oferecido por nenhuma outra VPN. Ele consome menos bateria e alterna perfeitamente entre redes, o que o torna uma boa opção para celulares. Há a opção de UDP e TCP. O UDP foi mais rápido durante meus testes, mas é um pouco mais suscetível a erros que o TCP.
  • OpenVPN: este é um dos protocolos mais seguros. Ele possui código aberto, e pessoas do mundo inteiro examinam continuamente seu código a fim de fortalecê-lo. Também oferece as opções UDP e TCP.
  • IKEv2: geralmente considerado mais veloz que o OpenVPN, ele foi apenas 1% mais rápido durante meus testes. Somente uso este protocolo se os outros não estiverem funcionando, pois ele não é tão seguro. Não há opção TCP, portanto ele será bloqueado por alguns firewalls.

Você terá diferentes opções de protocolos dependendo do seu dispositivo. Há ainda uma configuração automática. Ela seleciona o melhor protocolo para você com base em sua conexão atual.

Em termos gerais, recomendo o Lightway UDP porque ele oferece o melhor equilíbrio entre velocidade e segurança.

Lightway

O Lightway é um protocolo exclusivo do ExpressVPN que é muito leve e oferece várias vantagens, incluindo altas velocidades (minhas velocidades foram cerca de 12% maiores que com o OpenVPN). Para dispositivos como smartphones, alternar para a criptografia ChaCha20 melhora ainda mais a velocidade. Ele usa wolfSSL, uma moderna biblioteca criptográfica conhecida por sua criptografia de 256 bits de nível militar, amplamente revisada por terceiros.

O Lightway também alterna rapidamente entre redes. Em vez de encerrar a conexão VPN, ela fica inativa quando o sinal cai, permitindo uma reconexão rápida durante a troca entre redes Wi-Fi e redes móveis. Além disso, o Lightway costuma estabelecer conexões em menos de um segundo. Com apenas 1.000 linhas de código, o Lightway conta com uma das menores bases de código de protocolo VPN, facilitando sua auditoria e resultando em menor uso de bateria.

Embora ele não ofereça o WireGuard, esta opção exclusiva é um substituto similar igualmente veloz e seguro. O protocolo Lightway do ExpressVPN o torna uma das melhores VPNs para usar em dispositivos móveis. O protocolo também foi independentemente auditado pela Cure53, e sua biblioteca principal possui código aberto (está disponível no GitHub).

Resultados dos testes de vazamento — aprovado

O ExpressVPN passou em todos os meus testes de vazamento nos apps de Windows, Mac, Android e iPhone. No meu primeiro conjunto de testes, usei o site ipleak.net com 10 servidores diferentes.

Screenshot of a leak test performed on ipleak.net while connected to ExpressVPN's Montreal serverEmbora eu estivesse no Reino Unido, o teste detectou apenas o servidor da VPN em Montreal

A imagem acima mostra que todos os testes detectaram apenas o endereço IP de Montreal e o servidor DNS ao qual eu estava conectado por meio do app. Os vazamentos de IPv4, IPv6, WebRTC e DNS são todos diferentes maneiras pelas quais seus dados podem ser acessados. Mesmo que uma VPN faça um ótimo trabalho em proteger você de todas as demais formas, vazamentos como esses ainda podem ocorrer. Por isso, é ótimo que o ExpressVPN conte com proteção integrada contra vazamentos para ocultar seus dados de qualquer método que os hackers utilizam para acessá-los.

DNS privado em todos os servidores

Um dos motivos pelos quais o ExpressVPN passou nos meus testes de vazamento são seus servidores DNS privados. É preciso acessar uma rede chamada Sistema de Nomes de Domínio para alternar entre sites. Um servidor DNS privado remove esse intermediário, eliminando mais uma área onde suas informações podem ser vazadas.

Há uma opção para usar seu próprio DNS, mas recomendo manter os próprios servidores DNS privados do ExpressVPN sempre que possível.

Independentemente auditado

Auditorias independentes realizadas por várias firmas de segurança renomadas comprovam que o ExpressVPN é tão seguro quanto afirma. Esses relatórios nunca encontraram nenhum grande problema, e todas as pequenas vulnerabilidades foram rapidamente corrigidas.

Entre todas as VPNs que testei, o ExpressVPN passa pela maior quantidade de auditorias frequentes realizadas pela maior variedade de firmas. Ele é constantemente aprimorado por especialistas de ponta, e fiquei particularmente impressionado com o fato de que ele passou por auditorias de várias empresas que verificaram sua política de privacidade.

Cure53

Esta firma auditou o protocolo Lightway (2021), a tecnologia TrustedServer (2022) e as extensões de Chrome e Firefox (2018). As extensões de navegador possuem código aberto, portanto qualquer pessoa com o conhecimento técnico pode fazer um teste similar. Suas últimas auditorias foram nos apps de Linux e macOS em 2022.

PricewaterhouseCoopers (PwC)

A PwC é uma das principais firmas de auditoria do mercado. Durante um mês inteiro, ela revisou a política de privacidade do ExpressVPN e sua tecnologia TrustedServer examinando o código e entrevistando os membros da equipe (2019).

KPMG

A KPMG realiza auditorias para grandes empresas em vários setores, de seguros a governos. Ela também auditou a tecnologia TrustedServer, juntamente com a política de privacidade do ExpressVPN, em 2022.

F-secure

Esta é uma equipe que testa a segurança de muitos dos principais bancos do mundo. Em 2022, ela procurou por deficiências no app de Windows v.12 e não encontrou nenhuma.

ioXt Alliance

O ExpressVPN também recebeu a certificação ioXt Alliance por seu app de Android. O app foi verificado em 2021 em busca de problemas de segurança de baixo nível para garantir que seu design e modo de execução fossem seguros e confiáveis. Por exemplo, a segurança da rede, onde as chaves de criptografia são armazenadas, e se o design e as atualizações do software eram seguros.

Kill switch

O kill switch do ExpressVPN bloqueia seu tráfego de internet se a VPN se desconectar, portanto você permanece sempre protegido. Esse é um recurso essencial em qualquer VPN, e o ExpressVPN chama sua versão de “Network Lock”.

No Windows, Linux e Mac, o kill switch do ExpressVPN é habilitado automaticamente. Você também pode conceder acesso a dispositivos na LAN. Isso é útil se houver uma impressora conectada à rede Wi-Fi, para que seus documentos não sejam afetados por um servidor problemático. Nos app para desktop, Android e iOS, você pode habilitar e desabilitar o kill switch, mas o app de roteador não permite fazê-lo. Ele se chama Proteção de Rede nos apps de Android e iOS apps, e requer uma etapa adicional para ser ativado: basta configurar a VPN como “Sempre ligada” nas configurações do Android.

Tunelamento dividido (split tunneling)

O tunelamento dividido (split tunneling) permite excluir tráfegos específicos do túnel VPN. Isso é útil para você manter sua conexão local para atividades como serviços bancários enquanto simultaneamente transmite conteúdo de outro país. Ele também pode ser usado para imprimir documentos e preservar largura de banda durante downloads de arquivos (ao criptografar somente o aplicativo de torrents).

É simples adicionar ou remover aplicativos da lista de exceções, mas é preciso se desconectar temporariamente da VPN para fazê-lo.

Screenshot of ExpressVPN split tunneling features on Android and Windows appsVocê deverá se desconectar da VPN enquanto adiciona ou remove apps e sites

Removi meu app bancário online do túnel e testei esse recurso. Conectei-me a um servidor nos EUA e retornei ao Hulu. Deu certo, e consegui transmitir Os Segredos da Igreja Hillsong enquanto conectado ao meu banco britânico.

Esse recurso está disponível para os apps de Linux, Windows, Android e roteador. Infelizmente, não há tunelamento dividido no app de iOS ou em dispositivos macOS com OS 11 e versões posteriores.

Compatibilidade com o Tor

Você pode usar o ExpressVPN com o Tor (The Onion Router) usando o método Tor Over VPN. O Tor é um navegador especial que criptografa todo o tráfego dentro de sua rede, tornando seus dados anônimos. Por ser um dos principais centros de acesso à dark web, ele tem a má reputação de abrigar muitos sites onde atividades ilegais podem ocorrer. Porém, o Tor também é necessário, pois permite que ativistas e delatores de qualquer parte do mundo compartilhem informações importantes anonimamente.

Para o ExpressVPN funcionar com o Tor, você deve se conectar à VPN primeiro. Isso lhe permite acessar o Tor mesmo que ele esteja bloqueado em sua rede. Além disso, você não precisará se preocupar em ser identificado por usar o Tor, e contará com proteção extra contra quaisquer bugs no navegador.

Como o Tor é altamente criptografado, ele é um pouco mais lento que os navegadores tradicionais. Conectado ao servidor Los Angeles 1, carreguei o navegador Tor em quatro segundos. Isso é equivalente às minhas velocidades sem VPN conectada, portanto usei o Tor sem qualquer atraso adicional.

Threat Manager

O Threat Manager impede que sites e apps se comuniquem com terceiros conhecidos por rastrear suas atividades ou apresentar comportamento malicioso. Não há nada mais irritante que começar a ver um monte de anúncios direcionados após acessar um site ou app.

No entanto, ele atualmente está disponível apenas no app do ExpressVPN para Mac, iOS e Linux — portanto, espero que seja adicionado em breve ao Windows e Android.

Privacidade — uma empresa confiável que não armazena seus dados

10.0

O ExpressVPN conta com uma política antilogs (no-logs policy) e está sediado fora da Aliança 14 Olhos (14-Eyes Alliance). Ele é de propriedade da Kape Technologies, que possui muitas outras VPNs (CyberGhost e Private Internet Access, por exemplo).

O ExpressVPN armazena logs? Não

O ExpressVPN possui uma rigorosa política antilogs, portanto nunca irá armazenar, compartilhar ou vender seus dados pessoais.

Screenshot of the ExpressVPN privacy policy highlighting what it does not collectEle armazena apenas informações de e-mail e cobrança, juntamente com dados anônimos, para melhorar o desempenho

O ExpressVPN afirma que coleta somente:

  • Informações que você usou no seu cadastro (dados de cobrança e endereço de e-mail)
  • Quantos apps e versões de app você ativou
  • O dia em que uma conexão foi estabelecida (sem horário específico)
  • A localização de servidor ao qual você se conecta (mas não seu endereço IP atribuído)
  • A quantidade de dados transferidos em um dia

Fiquei impressionado com o baixo nível de informações que são armazenadas — não consigo pensar em nenhuma outra VPN que colete menos dados. Essa é a quantidade mínima de informações necessárias para manter a VPN e permanecer em contato com os clientes. Ele somente revela que você usou a VPN em algum momento, mas nada além disso.

Para se proteger ainda mais, você pode pagar com criptomoeda e criar um novo e-mail para sua conta. Entrei em contato com o suporte do ExpressVPN através do chat em tempo real para ver se suas informações de dados, pagamento e e-mail podem ser excluídas. É possível, mas somente após o cancelamento da sua assinatura.

Screenshot of live chat stating you can request to have your information deleted after you cancel your subscriptionIsso somente pode ser feito após o cancelamento da sua conta

O ExpressVPN não coleta:

  • Seu endereço IP pessoal ou o endereço IP da VPN que você usou
  • Dados sobre seu histórico de navegação (quais sites você acessou)
  • Metadados
  • Consultas de DNS (os sites que você tentou acessar)

Em outras palavras, não há registros da localização a partir de onde você usou o ExpressVPN ou o que fez enquanto conectado.

Informações de diagnóstico podem ser compartilhadas voluntariamente com o ExpressVPN. Ao fazer o download do app, basta selecionar “No Thanks” (“Não, obrigado”) na página “Help Improve ExpressVPN” (“Ajude a aprimorar o ExpressVPN”).

Screenshot of Help Improve ExpressVPN page on ExpressVPN appCaso opte por compartilhar, a VPN receberá apenas dados anônimos que não podem ser associados a você

Além de tudo isso, a política antilogs (no-logs policy) do ExpressVPN foi testada em 2017. Um dos servidores do ExpressVPN foi confiscado pelo governo turco durante a busca por informações sobre um assassinato. Porém, eles não encontraram nada, pois não havia dados armazenados — comprovando a legitimidade da política antilogs.

A ExpressVPN International Limited (a empresa matriz por trás do app) usa o ExpressVPN como sua única fonte de receita. A companhia também trabalhou com o Center for Democracy and Technology para ajudar a melhorar os direitos à privacidade em todo o mundo. Isso, juntamente com seu histórico comprovado, mostra para mim que o ExpressVPN está comprometido com o anonimato online.

Sediado nas Ilhas Virgens Britânicas, país que apoia a privacidade

O ExpressVPN está localizado nas Ilhas Virgens Britânicas, país onde não há leis de retenção de dados. O país onde uma empresa de VPN está incorporada é fundamental, pois ela é obrigada a cumprir as regras e regulamentos de sua jurisdição. Juntamente com suas robustas leis de privacidade, é muito difícil para promotores conseguirem um mandado. Não há nenhum programa de vigilância em massa, e o país também não integra a Aliança 14 Olhos (14-Eyes Alliance ou SIGINT Seniors Europe). Trata-se de um acordo entre países para compartilhar dados sobre seus cidadãos.

Embora seja um território britânico ultramarino, as Ilhas Virgens Britânicas têm um governo totalmente autônomo. Isso é positivo, pois a Grã-Bretanha é membro da Aliança 14 Olhos. Outros países podem solicitar o compartilhamento de dados ao tribunal superior das Ilhas Virgens Britânicas, mas eles não podem ser obrigados a revelar informações sobre seus cidadãos ou empresas. Mesmo que outro país consiga persuadir o tribunal superior, o ExpressVPN não retém dados de seus usuários. Ainda assim, o fato de estar sediado em um território tão amigável à privacidade adiciona uma camada extra de proteção.

O ExpressVPN funciona na China? Sim

Você pode usar o ExpressVPN na China, mas é melhor baixá-lo antes de chegar ao país. Embora apenas as VPNs aprovadas pelo governo são legais na China, até agora o governo tem combatido essas VPNs bloqueando-as. É raro que eles persigam os indivíduos que as usam. Porém, leia o máximo possível sobre o uso de VPNs na China para ficar totalmente ciente dos riscos.

O governo chinês censura fortemente o uso de internet no país. Essa censura online é conhecida como Grande Firewall da China. Porém, quando o governo chinês reprimiu o uso de VPNs há alguns anos, o ExpressVPN foi uma das únicas VPNs que continuou funcionando (e ainda funciona).

O ExpressVPN também disponibiliza servidores em Hong Kong, os quais permitem acessar sites e canais de TV chineses a partir de fora da China.

Embora o ping tenha sido alto (229 ms), o servidor Hong Kong 2 reduziu minha velocidade em apenas 14%. Portanto, consegui transmitir programas chineses em HD sem lag.

Isso também funciona ao contrário: as pessoas na China podem acessar sites censurados digitalmente por meio de localizações estrangeiras. Embora o ExpressVPN use tecnologia de ofuscação, ele também mantém uma lista atualizada de servidores que funcionam garantidamente na China. Para manter sua segurança, recomendo que você faça sua própria pesquisa, pois as leis e regulamentos estão sempre mudando.

Screenshot of chat with ExpressVPN support staff confirming it works worldwideVocê deve definir seu protocolo como automático e se conectar a um dos servidores recomendados para a China

A equipe de suporte me informou que ele também funciona em países restritivos como Turquia, Arábia Saudita e Emirados Árabes Unidos. Para a China especificamente, a empresa disponibiliza um site com orientações para resolução de problemas, além de servidores recomendados. Esses servidores mudam constantemente, portanto certifique-se de conferir a lista sempre que você se conectar.

Torrents — suporte a P2P em todos os servidores para garantir downloads rápidos

10.0

O ExpressVPN permite o compartilhamento de arquivos via P2P com largura de banda ilimitada em todos os servidores, portanto é ótimo para baixar e enviar torrents.

Muitas VPNs restringem o P2P a um servidores específico, mas, com o ExpressVPN, você poderá usar a melhor localização nas suas proximidades para desfrutar altas velocidades. O ExpressVPN funciona com o qBitTorrent, Transmission, Vuze, Deluge, uTorrent e todos os outros principais aplicativos de P2P. Ele também funciona com o Kodi, onde você pode acessar sites de streaming P2P.

Para testar o desempenho do ExpressVPN quanto a torrents, usei o uTorrent para baixar o filme de domínio público O Menino e Seu Cachorro. Em um servidor de Nova York, consegui baixa-lo a 2.1 MB/s com apenas 0,44 seeders. Isso me permitiu concluir o download do arquivo de 700 MB em menos de seis minutos.

Screenshot of Utorrent downloading A Boy and His Dog while connected to ExpressVPNMesmo com apenas 0,44 seeders, atingi uma velocidade de download de 2.1 Mb/s

O ExpressVPN permite o redirecionamento de portas exclusivamente no app para roteadores. Além disso, ele não oferece proxy SOCKS5. Esses recursos são principalmente usados para fazer seeding com mais rapidez — porém, como demonstrado pelo meu teste, ainda assim é possível baixar arquivos em alta velocidade sem eles.

No entanto, minha equipe e eu não apoiamos o ato de baixar e enviar torrents ou fazer streaming ilegalmente. Recomendo baixar apenas arquivos livres de direitos autorais para evitar a violação de quaisquer leis.

Instalação e apps

10.0

Os aplicativos móveis e desktop do ExpressVPN são atrativos, estáveis e intuitivos. Eles têm um design moderno com um grande botão de liga/desliga no centro e a interface traduzida para português no Windows, macOS, iOS, Android e principais extensões de navegador.

Screenshot of ExpressVPN Windows app showing the home screen, server list, and options pageOs três pontos levam você para a lista de servidores, e as três linhas permitem acessar as opções

Algo de que gostei é que o app mostra as localizações recentes às quais você se conectou. Além disso, os apps de Windows e Mac são basicamente idênticos.

Navegar pelo app para encontrar suas configurações é fácil: basta clicar no menu de hambúrguer. A partir daí, você pode alterar os protocolos de segurança, acessar o recurso de tunelamento dividido (split tunneling) e usar os botões para habilitar e desabilitar outros recursos, como o Network Lock (ou Proteção de Rede).

Há algumas configurações e recursos que você deve acessar por meio do seu painel do ExpressVPN no site. Ao acessar "Meu painel" e fazer login, você acessará seu código de ativação e dados de assinatura, além de poder alterar suas informações de pagamento ou visualizar faturas anteriores. Também é possível alterar suas configurações de DNS e acessar seus IPs do MediaStreamer. Você ainda encontrará a página de configuração, na qual todos os apps do  ExpressVPN podem ser baixados (acompanhado por um prático guia de configuração que mostra como instalá-lo em cada dispositivo).

Configuração e instalação

Levei menos de três minutos para fazer meu cadastro e instalar o ExpressVPN.

Screenshot of ExpressVPN website highlighting where to download the app for WindowsBasta selecionar seu dispositivo e pressionar o grande botão verde de download

Guia passo a passo para instalar o ExpressVPN:

Guia rápido: como instalar o ExpressVPN em três passos simples

  1. Escolha um plano. Acesse o site do ExpressVPN para dar início ao processo de cadastro. Escolha um plano e insira seus dados. Ele ainda oferece uma generosa garantia de reembolso de 30 dias, portanto você pode testá-lo sem riscos.
  2. Instale o app. O ExpressVPN oferece apps nativos intuitivos para Windows, macOS, Linux, Android e iOS. Basta baixar o app no seu dispositivo desejado e inserir o código de ativação.
  3. Conecte-se a um servidor. Comece a transmitir, navegar, jogar ou baixar e enviar torrents em segurança com o ExpressVPN.

Esse método funciona com dispositivos Windows, Mac, iOS e Android. Caso esteja usando Linux, você deverá usar a linha de comando. O processo é quase tão rápido quanto instalar as outras versões, e o ExpressVPN disponibiliza guias de configuração detalhados em seu site.

Compatibilidade com dispositivos — disponível para inúmeros tipos de hardware

O ExpressVPN é compatível com todos os principais sistemas operacionais em uma ampla variedade de dispositivos. Apps nativos estão disponíveis para dispositivos Windows, Mac, Android, iOS e Linux. Também estão disponíveis apps para diversos roteadores.

Screenshot compatible devices listed on ExpressVPN's websiteO MediaStreamer torna muito fácil conectar dispositivos que não oferecem app nativo

Um ótimo aspecto do ExpressVPN é o alto nível de intuitividade dos seus apps em todos os dispositivos. Cada app funciona em grande parte da mesma forma. A única exceção é o app de Linux. Ele não tem interface gráfica, portanto tive que interagir usando comandos de texto. Ainda assim achei bem fácil trocar de servidor e acessar todos os recursos usando a linha de comando.

Embora os apps pareçam similares, há leves diferenças nos recursos disponíveis em cada um.

Além desses sistemas operacionais, o recurso MediaStreamer permite conectar facilmente dispositivos que geralmente não oferecem suporte a VPNs, como consoles de videogame e smart TVs. Também há extensões para Chrome, Firefox e Microsoft Edge.

Computadores desktop — apps para Windows, Mac e Linux

As interfaces dos apps do ExpressVPN para Windows e Mac são quase idênticas. Porém, há algumas diferenças nos recursos oferecidos. Enquanto os protocolos OpenVPN e Lightway estão disponíveis em ambos, o IKEv2 está disponível apenas para macOS. Outra diferença é que não há recurso de tunelamento dividido (split tunneling) se você estiver usando o OS 11 ou versões superiores no Mac.

É necessário Windows 7 ou versões superiores, e macOS 10.11 ou versões superiores. O ExpressVPN também adicionou apps nativos para dispositivos Apple Silicon Mac (às vezes chamados M1 e M2). Muitos apps precisam ser “traduzidos” para funcionar nesses dispositivos, o que geralmente causa problemas. O que não é o caso aqui: apenas certifique-se de atualizar para a última versão do app de Mac, e o ExpressVPN será totalmente compatível com sua tecnologia Apple Silicon.

Screenshots of the ExpressVPN Windows and Mac apps side-by-sideA única diferença é que o app de Mac não oferece tunelamento dividido (split tunneling)

Achei o app fácil de usar em todas as três versões para desktop, embora tenha levado algum tempo para aprender os comandos no Linux. Tecnicamente, ele não tem interface gráfica (GUI). Poucas VPNs a oferecem, mas o Private Internet Access disponibiliza um app que você pode controlar da mesma maneira que no seu app de PC ou Mac.

Porém, as exclusivas extensões do ExpressVPN para Firefox e Chrome permitem usar a VPN com uma interface gráfica. Como essas extensões consistem em controles remotos do app, em vez de proxies, usá-las protegerá todo o seu dispositivo (e não apenas o tráfego do navegador). O único ponto negativo é que não é possível alterar as configurações — somente é possível conectar, desconectar-se e trocar de servidor.

Para instalar o ExpressVPN e acessar as configurações no Linux, você deverá usar os comandos no terminal. Por exemplo, “expressvpn connect” o reconectará à sua última localização usada. O comando “expressvpn list all” exibe todo o conjunto de servidores para você escolher. Como a extensão de navegador é mais fácil de usar, principalmente acesso apenas o terminal quando preciso trocar de protocolo.

Com exceção do tunelamento dividido (split tunneling), a versão de Linux inclui todos os outros recursos básicos dos apps para desktop. Entre outras diferenças notáveis, ela usa apenas os protocolos Lightway e OpenVPN, e não é possível usar atalhos de apps assim como no Windows e Mac. Esse recurso oferece acesso com um clique a sites a partir do app, o que usei raramente de qualquer forma. Há apps disponíveis para usuários de Linux com os sistemas Ubuntu, Fedora, Arch e Raspbian.

Screenshot of ExpressVPN Linux app connected to the Los Angeles locationOs únicos recursos não inclusos são os atalhos de apps e o tunelamento dividido (split tunneling)

Independentemente do seu sistema operacional utilizado, você contará com uma versão do ExpressVPN repleta de recursos para desktop.

iOS e Android

Em geral, os apps de Android e iOS são similar às versões para desktop.

O app de Android inclui todos os mesmos recursos dos aplicativos desktop (tunelamento dividido, kill switch, conexão automática), juntamente com alguns extras. Há ainda um crawl na parte inferior da tela inicial com dicas que levam você para o blog do ExpressVPN.

Outro recurso exclusivo no app de Android permite desativar capturas de tela no app. Isso impede que quaisquer apps ou espiões consigam ver suas informações confidenciais na tela do app do ExpressVPN.

Você deve cadastrar-se no site do ExpressVPN antes de baixar o app de Android através da Google Play Store, e precisará possuir o Android 5.0 ou versões superiores.

Screenshots of the ExpressVPN Windows and Mac apps side-by-sideA única diferença entre os aplicativos móveis é que o app de iOS não inclui o recurso de tunelamento dividido

O ExpressVPN Keys, gerenciador de senhas do ExpressVPN, é um recurso exclusivo dos apps de Android e iOS. Ele criptografa e armazena todas as senhas que você usa online (sem limite de quantidade) para que acesse facilmente suas contas. Ele ainda conta com um gerador de senhas para criar senhas únicas e seguras para cada serviço. Você também pode usar o Keys no Windows, Mac e Linux através da extensão de navegador.

Ambos os aplicativos móveis incluem ainda o recurso Resumo da Proteção, que mostra a porcentagem da frequência com que você se conectou à VPN desde a instalação.

Os apps de Android permitem escolher os protocolos Lightway UDP ou OpenVPN UDP. A versão de Android também oferece atalhos para apps e sites (até cinco). Em termos gerais, o app de Android funciona tão bem quanto as versões para desktop. Consegui transmitir séries com qualidade HD perfeita e alternar instantaneamente entre dados móveis e Wi-Fi usando o protocolo Lightway.

Infelizmente, a versão de iPhone não oferece o recurso de tunelamento dividido (split tunneling). Porém, você conta com dois recursos extras no seu iPhone que os usuários de Android não têm.

Os recursos Threat Manager e Parallel Connections (Conexões paralelas) estão disponíveis no iOS, portanto você permanecerá protegido contra malware e se conectará mais rápido à VPN em redes restritas.

A função Parallel Connections permite conectar-se mais rapidamente a um servidor (principalmente em redes restritas), pois a VPN tentará se conectar usando vários métodos ao mesmo tempo. Por exemplo, algumas escolas podem bloquear conexões UDP, mas a VPN simultaneamente tentará se conectar via TCP. Isso significa que você não precisa perder tempo testando diferentes protocolos para encontrar uma conexão que funcione. Além disso, o app do ExpressVPN para iOS mantém os atalhos de sites e apps que estão disponíveis em outras versões do app.

Além do protocolo Lightway (TCP e UDP), o IKEv2 também está disponível no iOS.

Com seu iPhone, você deverá instalá-lo através da App Store e precisará do iOS 12 ou versões superiores.

Extensões para Chrome, Firefox, Edge, Brave e Vivaldi

As extensões de navegador do ExpressVPN oferecem algumas opções adicionais de segurança, mas você somente pode usá-las no desktop. Há extensões dedicadas em português para Chrome e Firefox. Você também pode adicioná-la ao Microsoft Edge, mas deverá baixá-la através da Chrome Web Store e permitir extensões de outras lojas nas configurações do Edge. Esse processo também funciona para o Brave e Vivaldi.

Em vez de proxies, essas extensões são mais como um controle remoto para seu app. Isso é positivo porque disponibiliza todos os recursos do aplicativo. Você deverá possuir o ExpressVPN baixado no seu desktop. Conectar-se no navegador também conectará com seu app.

Screenshot showing the ExpressVPN Chrome extension and its option screensOcultar sua localização ajuda quando as plataformas requerem a localização geográfica no navegador

Usar a extensão de navegador me ajudou a acessar plataformas como o Hulu que requerem a localização geográfica no navegador. O Hulu pode usar a tecnologia de georrastreamento no seu dispositivo para ver onde você realmente está. Porém, ativar o recurso “Falsificar sua localização” causará a impressão de que você está na mesma localização do servidor da VPN, desbloqueando a plataforma.

A extensão também permite bloquear vazamentos de WebRTC. O WebRTC é um software de comunicação ativado em muitos navegadores que pode revelar seu endereço IP. Testei essa função durante meus testes de vazamento, e nenhum vazamento de WebRTC foi encontrado.

Você pode tornar sua navegação ainda mais segura ativando o recurso “HTTPS Everywhere”. Quando um site é oferecido em HTTPS (uma versão segura de um site que usa criptografia), o ExpressVPN automaticamente o acessará. Visitei seis sites diferentes que normalmente uso com essa opção ativada, e ele ofereceu a versão HTTPS todas as vezes.

As extensões de navegador são muito úteis, mas é uma pena que não estejam disponíveis para celulares ou tablets. É fácil alternar entre apps e navegadores em um computador desktop, mas complicado em uma touch screen. As extensões de navegador estão disponíveis para Chromebooks (que usam ChromeOS), mas tive problemas de sincronização durante meus testes, por isso não recomendo usá-las. Também é uma pena não haver extensão de Safari.

Applet dedicado para roteadores

O ExpressVPN oferece um app baseado em navegador para roteadores, juntamente com a configuração manual em dispositivos específicos. Esse é um excelente recurso que faz o ExpressVPN se destacar, principalmente pela facilidade de uso. Simplesmente não há muitas VPNs que ofereçam um app tão moderno para roteadores.

Instalar o app dessa maneira oferece muitos benefícios. Você pode acessar toda a rede de servidores do ExpressVPN — e protegerá todos os dispositivos conectados à sua rede doméstica, mesmo que eles não costumem oferecer suporte a software VPN. Por exemplo, essa é a melhor forma de usar o ExpressVPN com seu Roku. Você também pode conectar consoles de videogame, smart TVs e outros dispositivos de streaming como Chromecast. Além disso, não há limite sobre o número de dispositivos que você pode conectar após a instalação da VPN no seu roteador.

Você também terá acesso ao kill switch e ao recurso de tunelamento dividido (split tunneling). O guia de configuração interativo foi muito útil, e consegui instalar tudo em menos de 10 minutos. Você pode instalar o app do ExpressVPN na maioria dos modelos de roteadores Asus, Linksys e Netgear.

É importante notar que instalar o firmware do ExpressVPN no seu roteador substituirá o firmware original. Isso pode anular sua garantia e danificar sua tecnologia, caso realizado incorretamente. Apenas certifique-se de seguir com muito cuidado os passos no site do ExpressVPN, e busque a assistência do suporte 24/7 em caso de necessidade.

Veja como configurar o ExpressVPN no seu roteador:

  1. Execute a configuração inicial de internet para seu roteador. Em seguida, pesquise o modelo do seu roteador na página de download do ExpressVPN e baixe o firmware.
  2. Acesse o painel administrativo do seu roteador através do navegador. O endereço padrão é 192.168.1.1.
  3. Acesse a seção “Administration” (Administração) na aba “Advanced” (Avançado). Em seguida, selecione “Browse” (Navegar).
  4. Vá até a pasta onde está o firmware baixado. Selecione o arquivo e clique em “Update” (Atualizar). Após a instalação, você poderá precisar reconectar seu roteador usando as configurações de fábrica.
  5. Acesse https://www.expressvpnrouter.com. Siga as instruções passo a passo para concluir a configuração.
  6. Selecione um servidor VPN. Agora você também pode gerenciar seu app do ExpressVPN para roteadores através do painel.

Observação: o guia de configuração fornece instruções detalhadas dependendo do modelo do seu roteador. Os passos acima foram seguidos para configurá-lo em um Netgear Nighthawk R6400v2, portanto os passos para seu roteador podem ser ligeiramente diferentes.

O ExpressVPN também atualizou recentemente seu software para roteadores. Ele adicionou um recurso de atualização automática (para versões a partir de v2.7.0), portanto você não precisa reinstalar manualmente quando upgrades e atualizações estiverem disponíveis. Em relação à infraestrutura, ele agora usa OpenSSL versão 1.1.1k para maior segurança. Novos drivers Wi-Fi Linksys também foram implementados para melhorar a estabilidade.

Ele ainda permite configurar diferentes grupos, o que possibilita escolher diferentes servidores para cada grupo. Usar o recurso Device Groups (Grupos de dispositivos) também foi muito simples — você pode apenas arrastar e soltar seus dispositivos na interface para trocar de localização rapidamente. Esse recurso realmente destaca o ExpressVPN das outras VPNs, pois geralmente é preciso manter todos os dispositivos conectados no mesmo servidor. Utilizei-o para assistir à Netflix EUA na minha smart TV com meu iPhone excluído. Isso me permitiu acessar meu app bancário online com meu endereço IP normal no meu celular.

Screenshot of ExpressVPN's browser-based router firmwareVocê pode comprar roteadores pré-instalados, instalá-lo em roteadores compatíveis ou usar uma configuração manual

Você também pode instalar manualmente o ExpressVPN em modelos de roteadores da Asus, D-Link, DD-WRT, Netduma, Sabai, Tomato, TP-Link e Xiaomi. Porém, a configuração manual leva mais tempo, e você somente poderá trocar de IP.

A forma mais fácil de configurar é comprar um roteador com o ExpressVPN pré-instalado. Porém, esse é o método mais caro. É possível encontrar vários roteadores com o firmware já configurado para você no site do ExpressVPN.

O ExpressVPN também desenvolveu seu próprio roteador Wi-Fi chamado AirCove 6. Ele conta com tecnologia Wi-Fi 6 para altas velocidades e permite arrastar e soltar cada dispositivo Wi-Fi da sua residência em cinco grupos separados conectados a diferentes servidores. O Aircove também passou por sua própria auditoria independente, realizada pela Cure53, que comprovou sua segurança.

MediaStreamer — funciona com Xbox, PlayStation, Nintendo, Apple TV, smart TVs e mais

O MediaStreamer (proxy SmartDNS) permite conectar o ExpressVPN a dispositivos com os quais as VPNs geralmente não funcionam, como consoles de videogame e smart TVs. Esses dispositivos não são compatíveis com o uso de VPNs, mas você pode alterar seus servidores VPN padrão. Isso simplesmente consiste em substituir o endereço do servidor DNS nas configurações de internet do dispositivo pelos IPs do MediaStreamer.

Note que o MediaStreamer é destinado apenas para streaming, não sendo igual a uma VPN — você não pode alternar entre localizações. Assim que se conecta ao DNS do MediaStreamer, ele automaticamente oferece uma variedade de conteúdo dos EUA e Reino Unido.

Configurar um dispositivo com o MediaStreamer utilizará uma das suas 8 conexões simultâneas de dispositivos. Ele também não criptografa seu tráfego ou oculta seu endereço IP, portanto você não obterá a mesma proteção que desfruta usando o app completo da VPN. Porém, por causa disso, não registrei nenhuma diferença de velocidade durante o uso desse recurso.

Levei menos de cinco minutos para configurar o MediaStreamer na minha smart TV LG. Tudo o que precisei fazer foi registrar meu IP na minha conta do ExpressVPN. Recebi novos IPs do MediaStreamer, e levou apenas alguns segundos para inserir o novo endereço nas configurações de rede da minha TV.

Screenshot of MediaStreamer settings on ExpressVPN account websiteRegistre seu endereço IP e clique em "Configurar o DNS neste dispositivo" para obter seus IPs do MediaStreamer

Como eu moro no Reino Unido, queria ver se era possível desbloquear conteúdo dos EUA com o MediaStreamer. Gostei de ver que consegui desbloquear facilmente o Hulu, Max (HBO), Amazon Prime Video e Netflix EUA na minha smart TV LG. Ele também desbloqueia alguns canais britânicos, como Channel 4 e BBC iPlayer. No caso de apps que oferecem diferentes bibliotecas de conteúdo (como Netflix e Amazon Prime Video), o MediaStreamer usa as versões dos EUA por padrão. Porém, essa costuma ser a maior biblioteca, de todo modo.

O MediaStreamer é uma forma conveniente de assistir às suas plataformas favoritas em dispositivos que normalmente não são compatíveis com VPNs. No entanto, se você precisa de todas as funcionalidades e recursos de segurança de uma VPN, é melhor usar o app do ExpressVPN dedicado para roteadores.

Conexões simultâneas de dispositivos — conecte até 8 dispositivos

Tecnicamente, você somente pode usar o ExpressVPN em 8 dispositivos simultaneamente. Algumas VPNs oferecem mais conexões (por exemplo, Private Internet Access, Surfshark e IPVanish incrivelmente oferecem conexões ilimitadas). É importante notar que você pode conectar apenas cinco dispositivos no plano mensal. 8 conexões estão disponíveis assinando uma das duas assinaturas de prazo mais longo.

Entretanto, você pode obter conexões ilimitadas se configurar o ExpressVPN no seu roteador. Ele é mais fácil de configurar e usar que a maioria das demais VPNs, devido ao app e firmware nativos para roteadores. Após configurar seu roteador, você também desfrutará conexões ilimitadas de dispositivos.

Para testar esse recurso, configurei o ExpressVPN no meu notebook, PC, iPhone, tablet Android e na minha smart TV LG através do MediaStreamer. Acessei quatro diferentes plataformas de streaming enquanto jogava Doom Eternal via multiplayer online. Nenhum dos vídeos perdeu qualidade ou apresentou buffering, e não houve lag no jogo. Portanto, você não precisará se preocupar com quedas de desempenho do ExpressVPN devido às conexões simultâneas.

Preço

9.4
1 ano + 3 meses
$ 6.67 / mês por mês
6 meses
$ 9.99 / mês por mês
1 mês
$ 12.95 / mês por mês

Ótimo custo-benefício, principalmente nos planos de longo prazo

Você pode escolher entre três planos de assinatura, sendo que o plano de maior duração oferece o melhor custo-benefício. O plano de 1 mês é ótimo se você não tem certeza se precisará de uma VPN a longo prazo — porém, custando quase R$ 64/mês, ele sai bem caro quando comparado a outras VPNs.

Embora seja preciso pagar antecipadamente no caso dos planos de 6 e 12 meses, você acaba economizando bastante. Para um ano, ele custa apenas $6,67/mês, o que sai 49% mais barato que o plano de 1 mês (e você ainda ganha três meses grátis).

Para mim, o ExpressVPN vale o preço porque é a melhor VPN que testei. Embora haja VPNs robustas que você possa adquirir por menos, o ExpressVPN é melhor que praticamente todas elas quando se trata de velocidade, confiabilidade, serviço de suporte, privacidade e segurança combinados. O plano de 12 meses do ExpressVPN oferece o melhor custo-benefício e custa apenas um pouco a mais por mês que seus concorrentes mais baratos. Além disso, algumas outras VPNs (por exemplo, o Surfshark) fazem ótimas ofertas durante o cadastro inicial, mas depois aumentam significativamente os preços na renovação. Esse não é o caso do ExpressVPN — o que você vê é o que você leva.

Você pode adquirir o ExpressVPN com Visa, Mastercard, PayPal, Qiwi Wallet, Maestro, Bitcoin e várias outras opções de pagamento. Se você pagar com criptomoeda e usar um novo e-mail, poderá se cadastrar anonimamente.

Você também tem até 30 dias para solicitar o reembolso se não ficar satisfeito. Para testar essa garantia de reembolso, contatei o suporte via chat em tempo real para pedir meu dinheiro de volta. Eles perguntaram o motivo da minha saída, mas rapidamente aprovaram o cancelamento.

Screenshot of live chat where I requested a refundRecebi o dinheiro de volta na íntegra em três dias

A única exceção é para usuários de iPhone que adquirem o ExpressVPN através da loja da Apple. Neste caso, você obtém uma versão de avaliação de 7 dias e deve solicitar o reembolso à Apple se decidir não continuar após o término desse período. Eles não serão obrigados a cumprir a garantia de reembolso de 30 dias. É por isso que recomendo que você sempre faça seu cadastro no site do ExpressVPN. Você pode baixá-lo facilmente no seu celular e fazer o login em seguida.

Outra forma pela qual você pode economizar é indicando um amigo. Ao fazer isso, você dois ganham 30 dias de serviço grátis. Nas configurações da sua conta, você visualizará um pequeno ícone de embalagem de presente, no qual pode inserir o e-mail do amigo.

Confiabilidade e Suporte

10.0

Simpáticos, experientes e rápidos em responder

É muito fácil acessar o chat 24/7 em tempo real do ExpressVPN. Após se conectar, você é imediatamente repassado para uma pessoa real, e não a um robô irritante como no caso de muitas VPNs. A equipe de suporte é bem informada e experiente — eles nunca levaram mais do que poucos minutos para responder às minhas dúvidas. Os agentes podem oferecer suporte através do chat em qualquer idioma (incluindo português) graças a uma ferramenta integrada de tradução automática.

Contatei o suporte mais de 20 vezes enquanto escrevia esta avaliação, e todas as vezes recebi uma resposta de um agente em até 10 segundos. Eles sempre tinham as respostas para minhas perguntas, embora às vezes levassem dois ou três minutos para pesquisar dúvidas mais complexas. Você também pode solicitar a transcrição da sua conversa ou pedir para que o agente envie as respostas por e-mail.

Por exemplo, não foi tão fácil encontrar no site informações sobre como usar as extensões de navegador em tablets ou Chromebooks. O membro da equipe de suporte respondeu tudo o que eu precisava saber sobre esses dispositivos após alguns minutos.

Screenshot of live chat support agent answering questions about ExpressVPN's MediaStreamerConectei-me a um agente de suporte em 10 segundos ou menos todas as vezes

O site do ExpressVPN conta com uma enorme biblioteca de FAQs, guias de configuração e tutoriais em vídeo, a maioria também traduzida para português. Caso prefira não falar com um agente em tempo real, você provavelmente conseguirá encontrar suas respostas nessa seção. Também é possível usar o sistema de tickets ou enviar e-mails diretamente.

O site do ExpressVPN é fácil de navegar e está repleto de recursos úteis. Ele também está disponível em 17 idiomas, incluindo inglês, português, espanhol, francês e holandês.

O Resultado

Veredito final — confiabilidade, altas velocidades e excelente segurança fazem seu preço valer a pena

O ExpressVPN é de longe a VPN mais veloz e confiável que já usei. Ele também é ótimo para desbloquear plataformas de streaming, e sempre transmiti conteúdo em HD e sem buffering. Todas as plataformas que testei carregaram quase imediatamente e sem problemas. Até diversos usuários do Reddit classificam esta VPN como positiva, o que quer dizer algo.

Em relação à segurança, o ExpressVPN é extremamente seguro. Sua criptografia de nível militar e servidores DNS privados o ajudaram a passar em todos os meus testes de vazamento. Além disso, ele conta com uma rigorosa política antilogs (no-logs policy) e está sediado nas Ilhas Virgens Britânicas, país que apoia a privacidade. Essa política já foi auditada, portanto você pode ter certeza de que ela é confiável.

O único pequeno ponto negativo que encontrei é que ele não conta com bloqueador de anúncios, o que muitas outras VPNs de ponta oferecem. Porém, isso não é tão importante, pois há vários bloqueadores de anúncios legítimos disponíveis gratuitamente.

Em termos gerais, recomendo o ExpressVPN a todos aqueles interessados em usar uma VPN. Ele definitivamente vale seu preço.

jo4moAR7jbY
  • Velocidades ultrarrápidas para fazer transmissões sem buffering
  • Ótimo para desbloquear plataformas de streaming como Netflix
  • Ampla rede com 3.000 servidores em 105 países (incluindo Brasil e Portugal)
  • Criptografia de nível militar e kill switch automático para proteger seus dados
  • Rigorosa política antilogs (no-logs policy)
  • Apps nativos para inúmeros dispositivos e também roteadores
  • Seu exclusivo protocolo Lightway é ultrarrápido e ótimo para dispositivos móveis
  • Excelente suporte via chat 24/7 em tempo real também disponível em português
  • Inclui uma garantia de reembolso de 30 dias

FAQs sobre o ExpressVPN

O ExpressVPN é confiável?

Sim, sua criptografia de nível militar, recursos avançados de segurança e rigorosa política antilogs (no-logs policy) tornam o ExpressVPN extremamente seguro e confiável. A criptografia AES de 256 bits oculta a chave dos seus dados através de um número com 78 dígitos de extensão, para que nenhum computador consiga decifrá-la. O kill switch garante que seu IP permaneça oculto até mesmo se o servidor VPN se desconectar. Além disso, o ExpressVPN não retém quaisquer dados sobre a localização ou atividades online de seus clientes. Isso tudo foi colocado à prova em 2017, quando o governo turco confiscou servidores do ExpressVPN e não encontrou nenhum dado que pudesse ser utilizado.

O ExpressVPN também é seguro de usar porque está sediado nas Ilhas Virgens Britânicas. Esse país não conta com leis de retenção dados e também está localizado fora da jurisdição da Aliança 14 Olhos (14-Eyes Alliance). Ele não pode ser obrigado por qualquer terceiro a compartilhar dados sobre seus cidadãos ou empresas. Além disso, mesmo que seja um território internacional britânico, o país opera totalmente sob suas próprias regras.

Em quais dispositivos posso usar o ExpressVPN?

Você pode usar o ExpressVPN em praticamente qualquer dispositivo que se conecte à internet.

Há apps nativos para os seguintes dispositivos:

  • PCs com Windows 7 ou versão posterior, macOS 10.10 ou versão posterior e Linux (Ubuntu, Fedora, Arch e Raspbian)
  • iPhones e iPads com iOS 12 ou versão posterior
  • Smartphones e tablets Android com versão 2 ou posterior
  • Roteadores selecionados da Asus, Linksys e Netgear
  • Android TV
  • Dispositivos Amazon Fire (Fire TV, tablets e Fire Stick)
  • Nvidia Shield

Conectar o ExpressVPN ao seu roteador permite que você conecte à VPN qualquer dispositivo com Wi-Fi, incluindo Chromecast, sistemas domésticos inteligentes e qualquer modelo de smart TV.

Você também pode usar o recurso MediaStreamer para conectar estes dispositivos:

  • Consoles de videogame como Xbox, Xbox One, PS4, PS5, Wii U, Nintendo Switch
  • Smart TVs incluindo Samsung, Vizio, Sony, LG e mais
  • Dispositivos de streaming como Apple TV e Roku
  • Roteadores que não são compatíveis com o app do ExpressVPN

O ExpressVPN é melhor que o NordVPN?

Recomendo o ExpressVPN em comparação com o NordVPN. Ambos são ótimas VPNs, e o NordVPN definitivamente oferece um ótimo custo-benefício. Porém, o ExpressVPN é a VPN mais rápida que testei. Ele também oferece mais conexões estáveis, minimizando interrupções ou quedas da conexão VPN (um problema que já enfrentei com o NordVPN).

O ExpressVPN também é ótimo para desbloquear uma enorme variedade de plataformas de streaming, incluindo o Amazon Prime Video, que não consegui acessar com o NordVPN no passado.

Posso usar o ExpressVPN para assistir à Netflix?

Sim, o ExpressVPN oferece acesso a bibliotecas da Netflix em todo o mundo. Usei-o para desbloquear a Netflix em 20 países. Você também pode usá-lo para acessar o Disney+, Hulu, BBC iPlayer e praticamente qualquer outro serviço de streaming que imaginar. De fato, não encontrei nenhum serviço de streaming que ele não conseguisse desbloquear. Também consegui transmitir em HD sem nenhum lag em todas as plataformas que testei. Além disso, você poderá transmitir a Netflix em qualquer dispositivo usando o recurso MediaStreamer do ExpressVPN.

Posso obter o ExpressVPN gratuitamente?

Não há plano gratuito, mas em alguns dispositivos está disponível uma versão de avaliação grátis. Porém, recomendo usar a garantia de reembolso do ExpressVPN, em vez de uma versão de avaliação grátis.

Esse período gratuito foi descontinuado para usuários desktop, mas ainda há disponível uma versão de avaliação de 7 dias para iPhone ou Android. Não a recomendo, pois ela impede que você use a garantia de reembolso de 30 dias. Você também deverá cancelá-la pelo menos 24 horas antes do término da avaliação. Por fim, essas avaliações grátis são gerenciadas por meio das lojas da Apple e Google Play. Isso significa que você não poderá entrar em contato com o chat 24/7 em tempo real do ExpressVPN para solicitar o reembolso.

Quanto custa o ExpressVPN?

Você pode adquirir planos a partir de apenas $6,67/mês. Os planos de curto prazo costumam ser mais caros que os de longo prazo. Com uma assinatura de um ano, você economiza 49% em comparação aos planos mensais. Recomendo escolher o plano anual, principalmente porque você ainda terá 30 dias para solicitar o reembolso se não ficar satisfeito.

É difícil cancelar uma assinatura do ExpressVPN?

Não, cancelar sua assinatura do ExpressVPN é simples. Se ele não atender às suas necessidades, você tem a opção de usar a garantia de reembolso de 30 dias e receber todo o seu dinheiro de volta. Testei pessoalmente essa política e confirmei sua legitimidade. Levei apenas alguns minutos para contatar o suporte a fim de solicitar o reembolso. Em três dias, todo o valor foi devolvido à minha conta.

É possível usar o ExpressVPN na China?

Sim, você pode usar o ExpressVPN na China. O ExpressVPN disponibiliza servidores em Hong Kong, os quais usei para assistir à TV chinesa — além disso, ele é conhecido por ser uma das melhores VPNs para usar na China. Porém, o ExpressVPN está banido na China, e minha equipe e eu recomendamos que você pesquise as regras e regulamentos do país antes de usá-lo. Porém, a China geralmente combate VPNs não aprovadas bloqueando sua tecnologia, e não perseguindo as pessoas que as usam. Também é uma boa ideia baixar a VPN antes de adentrar o país, caso você pretenda viajar para lá.

O ExpressVPN é bom para o Canadá?

Sim, o ExpressVPN é uma ótima opção para o Canadá. Com sua ampla rede de servidores e recursos robustos de segurança, o ExpressVPN oferece uma experiência confiável e segura para os usuários canadenses.

O ExpressVPN disponibiliza uma enorme rede de localizações de servidores ao redor do mundo, incluindo vários servidores no Canadá. Essa extensa rede garante conexões velozes e estáveis, permitindo que usuários no Canadá acessem conteúdos e sites sem restrições. Seja para transmitir programas de TV canadenses, acessar serviços bancários ou navegar na internet, o ExpressVPN oferece servidores confiáveis para proporcionar uma experiência perfeita no Canadá — ou para acessar conteúdo canadense no exterior.

O ExpressVPN reduzirá minha velocidade de conexão?

Sim, mas a diferença é tão pequena que você mal notará. Qualquer VPN reduzirá em alguma medida sua velocidade de conexão, pois leva tempo para criptografar e redirecionar seu tráfego por meio dos servidores. Porém, os servidores locais do ExpressVPN reduziram minha velocidade de download em apenas 7%. A maioria das VPNs causa quedas de velocidade muito maiores, portanto esse número é realmente impressionante. Ele também forneceu as mais altas velocidades a longa distância que já vi.

Garantia de reembolso (Dias): 30
Aplicativo Móvel:
Número de dispositivos por licença: 8
Planos VPN: expressvpn.com
Avaliamos os fornecedores com base em testes e pesquisas rigorosos, mas também levamos em consideração seu feedback e nosso programa de afiliados com os fornecedores. Alguns fornecedores são de propriedade da nossa matriz.
Saiba mais
O vpnMentor foi criado em 2014 como um site independente que avalia serviços de VPN e cobre histórias relacionadas à privacidade. Hoje, nossa equipe de centenas de pesquisadores, redatores e editores de cibersegurança continua ajudando os leitores a lutar por sua liberdade online em parceria com a Kape Technologies PLC, que também é proprietária dos seguintes produtos: ExpressVPN, CyberGhost e Private Internet Access, os quais podem ser classificados e avaliados ​​neste site. As avaliações publicadas no vpnMentor são consideradas precisas na data de cada artigo e escritas de acordo com nossos rígidos padrões de avaliação que priorizam a análise independente, profissional e honesta do avaliador, levando em consideração as capacidades técnicas e qualidades do produto juntamente com seu valor comercial aos usuários. As classificações e avaliações que publicamos também podem levar em consideração a propriedade comum mencionada acima e as comissões de afiliados que ganhamos por compras efetuadas através de links em nosso site. Não avaliamos todos os provedores de VPN, e acreditamos que as informações sejam precisas na data de cada artigo.
Análise dos usuário da ExpressVPN (As avaliações dos usuários não são verificadas)
9.7
Com base em 1404 avaliações em 29 idiomas

Escreva uma opinião sobre ExpressVPN

Classificar VPN.

Tudo Velocidade Streaming Segurança Suporte
Ronaldo
Ronaldo
10/10
Boa velocidade, excelente atendimento ao cliente

Eu comecei a usar este serviço alguns meses atrás e tenho estado muito impressionado. Experimentei alguns outros serviços antes, mas nenhum funcionou tão bem como o ExpressVPN. Eles estão fazendo um excelente trabalho. Atualmente eu tenho este aplicativo instalado em meu iPhone e notebbok Windows e ele funciona muito bem em ambos.

Davi
Davi
10/10
É um pouco caro, mas vale a pena

Eu me preocupo com a minha privacidade. É por isso que eu decidi desembolsar e usar o ExpressVPN. Ao contrário de outros aplicativos VPN, a rede do ExpressVPN usa criptografia de 256 bits. O serviço deles é rápido e eles nunca mantêm registros. Isso é bom o suficiente para mim.

Pedro
Pedro
10/10
Vale a pena o preço

Embora esta não seja a opção mais barata disponível, eu experimentei muitas das alternativas e, até agora, o Express VPN é o serviço mais confiável com o qual trabalhar para mim aqui na China. O suporte é fantástico, eles são simpáticos e rápidos a responder, e a opção de Chat Ao Vivo é fantástica. Eu acho que este serviço tem um bom preço para um serviço tão profissional.

Compare o ExpressVPN com as principais VPNs alternativas
Nossa pontuação: 9.7
Nossa pontuação: 9.2
Nossa pontuação: 9.2
Nossa pontuação: 9.2

Sobre o autor

Adriano é fã de tecnologia e graduado pela Universidade Católica de Santos. Ele acredita que a privacidade online é fundamental para quem quer desfrutar a verdadeira liberdade na internet.

Este artigo foi útil?
Desculpe-nos por isso!
(Mínimo de 10 caracteres.)