O que é um Kill Switch de VPN e por que eu tenho que usar um

Para muitos usuários de VPN, a confiabilidade da rede é uma grande preocupação. Eles não querem que sua atividade volte ao padrão, ou seja, para a Internet pública quando a conexão falha. Embora alguns fornecedores tenha adicionado o recurso kill switch para contornar este problema, outros não o fizeram. Leia para saber mais sobre essa questão de privacidade crucial.

Embora haja muitas opções de rede VPN de qualidade disponíveis, você pode ver em nossa página de classificações que nenhum serviço é perfeito. Um fator-chave com os quais os potenciais clientes (ou clientes que estão procurando melhorar o seu serviço atual) estão preocupados é com a confiabilidade.

Faz sentido. Se a conexão de rede cair, os padrões do computador voltam para o endereço IP público fornecido pelo provedor de serviço de Internet (ISP). Por isso, este usuário será exposto e sua atividade pode ser facilmente rastreada.

Qual é a parte mais perigosa? Sem as devidas precauções, o usuário pode nem mesmo saber se ou quando isso aconteceu.

Para dar a volta a este problema, vários serviços de VPN oferecem o recurso “kill switch”. Em essência, um kill switch corta sua conexão com a Internet completamente quando sua conexão VPN falha.

Por que o recurso é importante e o que ele oferece? Todos os aspectos desta questão de segurança importante são abordados no FAQ abaixo.

Quão confiáveis são as redes VPN no geral?

Depende do tipo de serviço que você usa.

VPN kill switch - vpnMentor

As empresas que possuem seus próprios servidores e oferecem vários clusters de servidores podem quase garantir completamente uma conexão. Por exemplo, várias redes VPN recomendadas do top 10 em nosso site afirmam ter 99,99% de tempo de atividade:

No entanto, as empresas que compartilham servidores ou as que não oferecem conexões para várias localizações do servidor são muito menos confiáveis. Elas também serão mais propensas a reduzir a largura de banda e limitar o número de conexões de servidor que você pode fazer.

Quais são as principais causas para desconexões?

Um dos motivos pelos quais as redes VPNs estão ganhando popularidade é que elas tendem a ser muito confiáveis. Mesmo assim, as conexões VPN ocasionalmente têm problemas, o que pode frustrar os usuários.

As três razões principais para a perda de conexão são:

  1. Configurações do Firewall e/ou do roteador: as configurações de seu firewall, antivírus ou programas antispyware podem fazer com que sua conexão caia com frequência. Para testar, desative esses recursos e tente se conectar. Se a conexão estabilizar com os recursos desativados, você vai precisar adicionar a rede VPN como uma exceção antes de iniciá-la novamente.
  2. Escolha do protocolo de VPN: o ExpressVPN diz que as conexões são mais estáveis quando a rede é executada no protocolo TCP, ao contrário do protocolo UDP padrão. Por isso, se sua conexão estiver instável, um bom teste de resolução de problemas é mudar o seu protocolo.
  3. Força do sinal inadequada/congestionamento da rede: porque os serviços de VPN permitem que os usuários se conectem a servidores distantes é um erro fácil acreditar que as condições locais de Wi-Fi não são importantes. Infelizmente, a força de sua conexão Wi-Fi afeta diretamente a confiabilidade de sua conexão de VPN. Força de sinal baixa provavelmente fará com que sua conexão caia devido a perdas excessivas de dados. Além disso, utilização pesada de sua conexão com a Internet (como acontece em cafés, aeroportos e bibliotecas lotadas) pode fazer com que sua conexão VPN fique instável também.

Quantas redes Networks VPN oferecem Kill Switches?

Nos últimos anos, mais empresas de VPN começaram a oferecer kill switches. Entre elas:

  • Private Internet Access
  • Hide My Ass
  • AirVPN
  • IPVanish
  • VyprVPN
  • ExpressVPN
  • PureVPN
  • SwitchVPN

Duas exceções notáveis – TotalVPN e Buffered – não oferecem o recurso kill switch.

Os Kill Switches estão ativados automaticamente?

Nem sempre. Para ativar muitos kill switches de VPN, você precisa ir para as configurações do aplicativo e ativar o recurso.

Por exemplo, o VyprVPN fornece uma caixa de diálogo onde os usuários podem personalizar suas opções de kill switch.

vyprvpn-kill-switch-settings

Além de ativar e desativar o recurso, a caixa de diálogo permite aos usuários selecionar as situações em que o kill switch vai funcionar. O aplicativo oferece operações de Nível de Aplicação (o kill switch funcionará quando o VyprVPN estiver em execução e a conexão falhar) ou de Nível do Sistema (quando você estiver conectado ao VyprVPN, mas o aplicativo não estiver em execução). Os usuários também podem ativar o bloqueio de LAN quando o kill switch estiver ativo também.

Por outro lado, o recurso kill switch do ExpressVPN, chamado de Network Lock, ativa-se no momento que você clica em “Conectar”.

Quem sentiria mais o impacto dos problemas de confiabilidade da rede VPN?

As falhas de conexão afetam seriamente as pessoas que usam a sua rede VPN para baixar torrents.

Esses usuários ficam conectados às suas VPNs por longos períodos de tempo, e eles podem não estar na frente de seus computadores para reagir à queda de conexão. Se o seu serviço não tiver um kill switch ou o recurso não estiver ativado, eles poderiam abrir o endereço IP rastreando conexão pública, mesmo sem perceber.

Para diminuir esse risco, os downloaders de torrent geralmente procuram uma das duas soluções seguintes:

    1. Usar o cliente de BitTorrent Vuze: este aplicativo de software ponta-a-ponta mantém uma pegada leve, não torna seu computador mais lento e faz rapidamente o download de torrents. Em versões recentes do cliente, o Vuze pode ser vinculado a uma conexão VPN. Isso pode ser uma vantagem se a conexão VPN não for confiável. Ao invés de o sistema operacional voltar para o roteamento de pacotes através da rede de IP pública, o Vuze continuará tentando encaminhar os pacotes através da VPN. O torrente não vai baixar com êxito, mas, pelo menos, os pacotes não voltam para o público.
    2. Definir manualmente as configurações de firewall: para os usuários que não querem contar com opções de terceiro, a opção “faça você mesmo” é definir manualmente as configurações do firewall do SO para bloquear a atividade de download se e quando a conexão VPN falhar. Isto é especialmente verdadeiro para computadores com Windows. O PrivateInternetAccess, por exemplo, desconecta-se durante os downloads de torrent se as configurações do firewall do Windows não estiverem configuradas corretamente.

Existem outras formas de se proteger contra desconexões?

Além dos kill switches integrados, existem várias opções de terceiros para proteger sua privacidade e seu endereço IP se a confiabilidade de sua rede VPN se mostrar instável. Dois dos mais populares são o VPNetMon e o VPN Watcher.

O VPNetMon impede conexões não seguras se sua conexão VPN cair. Este programa gratuito de terceiros, simplesmente fecha os aplicativos especificados quando a conexão VPN falha. Muitos usuários gostam deste programa porque ele não desconecta toda a Internet; ele simplesmente fecha os programas pré-selecionados que poderiam comunicar o endereço IP através de uma conexão desprotegida.

O VPN Watcher é uma outra ferramenta popular para o monitoramento da conexão VPN. Como o VPNetMon, este programa impede que aplicativos controlados enviem quaisquer dados para a rede quando a conexão de VPN estabelecida falha. O preço atual é de $ 9,95.

Resumo: os protetores de conexão VPN são vitais para a proteção do usuário

Embora os usuários usem os serviços de VPN por diferentes razões, todos eles valorizam a sua privacidade. No entanto, quando a conexão falha, o endereço IP do usuário é exposto para rastreadores. É por isso que a confiabilidade da rede VPN é uma grande preocupação.

Especialmente para as pessoas que dependem de uma conexão constante, seja para download do torrent ou para denúncia de irregularidades, a proteção de identidade é importante. Para esses usuários, selecionar uma empresa de VPN que oferece um kill switch é crucial.

No outro lado da moeda, muitas das principais empresas de VPN de hoje sabem que se o endereço IP de um usuário for revelado devido a uma desconexão da rede, elas vão perder parcela de mercado. Por isso, elas oferecem o recurso kill switch, além de confiabilidade de 99,9%.

Selecione uma VPN que inclua um recurso Kill Switch:

Isto foi útil? Compartilhe.
Espere! A Nord oferece 70% de desconto em suas VPNs.